Quem disse que apenas os cães são os melhores amigos do homem? Para que em alguns casos os gatos precisam assumir a tarefa de defender os humanos, especialmente quando eles são indefesos. Foi o que mostraram as imagens das câmeras de segurança de uma casa nos Estados Unidos que foram divulgadas esta semana.

Gata ataca cachorro para salvar criança

No vídeo podemos ver quando uma gata corajosa ataca um cachorro que está mordendo um menino de apenas quatro anos de idade. O garoto estava sentado brincando na frente da sua residência quando acabou sofrendo o ataque do cão, mas felizmente a gata da sua família estava por perto e evitou que o ataque tivesse consequências mais graves.

Gata corajosa

No vídeo que acabou sendo postado na internet pelo pai da criança, o garoto de quatro anos estava brincando com a sua bicicleta, quando um cão se aproxima. O animal avança contra o garoto e rapidamente começa a mordê-lo. Neste momento a gata da família, que se chama Tara, aparece correndo em alta velocidade e se atira em direção ao cão, que corre da felina.

Nas imagens é possível perceber que a gata não apenas ataca o cão pela primeira vez, mas também corre atrás do cão por alguns metros até que ele se afasta completamente de perto da residência.

Confira o vídeo:

Logo depois que o cachorro se afasta o menino consegue sair correndo, e um detalhe interessante: mesmo depois de afastar o cão a gata voltou ao lado do garoto. O garoto passa bem, teve que levar apenas alguns pontos na perna.

De acordo com as informações que foram levantadas pela imprensa norte-americana sobre o caso, o cachorro que atacou o garoto pertencia a um vizinho, que acabou deixando o animal escapar por uma distração. Ele confirmou que o cachorro não gosta de crianças.

Já sobre Tara, a família do garoto explicou que na verdade foi ela quem adotou a família, já que há cinco anos atrás a gata seguiu a mãe do menino por algumas quadras até a casa da família. A mão do menino contou também que Tara não desgruda do menino nunca, e por isso estava por perto no momento do incidente.