Fofuxo.com

Como tratar a Babesiose

Saiba mais sobre o tratamento desta doença causada por um protozoário.

A Babesiose é uma doença que não é incomum de ser encontrada em determinadas raças de cães, mas pode ser bastante perigosa quando não tratada da maneira correta. Os sintomas desta doença são causados por um protozoário, mas este não é um problema que possa ser transmitido para os homens. Já o cão acaba sendo infectado pelo carrapato.

Como tratar a Babesiose

A doença basicamente infecta o cachorro quando um carrapato pica um cão que esteja doente e passa para um outro cachorro. Por isso, a doença pode ser extremamente difícil de ser controlada quando existem muitos cães reunidos no mesmo lugar, como o mesmo pátio, por exemplo.

A doença começa a se manifestar no cão quando este parasita começa a infectar os glóbulos vermelhos do sangue, sendo que é neste local que ele consegue começar a e multiplicar dentro do organismo do animal.

Tratamento da doença

Como tratar a BabesioseAntes de mais nada é de fundamental importância ficar de olho em todos os sinais clínicos que podem ser apresentados pelos cães doentes. Estes sinais devem servir de alerta para que o dono leve o cachorro para o veterinário, sendo que ele sim é que vai conseguir verificar a situação do animal e realmente garantir que ele seja tratado corretamente.

A grande maioria dos cães que já estão desenvolvendo quadros mais graves da doença acabam tendo apatia, anemia, febre e anorexia. A perda de peso também é muito comum nestes casos. Mas estes sintomas também podem indicar outras doenças, por isso que é muito importante que as pessoas façam a avaliação no veterinário.

O Tratamento mais utilizado para tentar combater a doença é o dipropionato de imidocarb, um medicamento que deve ser administrado com cuidado e sempre seguindo a risca todas as ordens médicas.

O remédio geralmente acaba atingindo o sistema imunológico do cão, e nestes casos pode ser uma porta de entrada para outras doenças. Por isso é muito importante redobrar os cuidados com o cão durante este tratamento.

Prevenção

Como o melhor tratamento sempre é a prevenção, é importante que o dono também tome alguns cuidados para evitar que o seu cão seja contaminado. No caso da Babesiose o carrapato deve ser combatido sempre, tanto no animal mas principalmente nos que estão no ambiente. 

Postado em .


Pela Web

Comentários