Mesmo mantendo os gatos boa parte do tempo dentro de casa, os vermes costumam aparecer, uma hora ou outra. Essa é uma condição de saúde que acaba sendo considerada normal entre os pets, mas que deve ser tratada da mesma forma, pode acabar avançando para condições ou doenças mais sérias.

Como saber se o gato está com vermes?

Além de ter contato com vermes através de comida, lixo e outros animais, os gatos também costumam enfrentar um perigo mais silencioso e bastante comum: as pulgas, que também acabam transmitindo vermes como solitárias ou lombrigas.

Confira algumas dicas para identificar a presença de vermes em seu felino:

Verifique as fezes

Essa é uma das formas mais comuns e simples de se identificar a presença dos parasitas no corpo dos gatos. Mas ela pode acabar se tornando mais complicada caso o felino não tenha o costume de fazer suas necessidades em apenas um lugar, como a caixinha de areia, por exemplo. Mas caso seja possível encontrar as fezes do pet, é possível avaliar se existe algum traço ou que suas características estejam alteradas.

Examine as gengivas

Como saber se o gato está com vermes?

A grande maioria dos vermes que se hospedam em animais acabam tendo que se alimentar de vitaminas e nutrientes do organismo do seu hospedeiro, fazendo com que ele fique mais fraco. Isso pode acabar se refletindo nas gengivas do gato, por exemplo, que podem deixar de ficar rosadas e se tornar mais pálidas quando os vermes estão presentes.

Apalpe seu abdômen

Um outro sinal bastante comum da presença de vermes no organismo dos gatos é quando a região do seu abdômen fica mais inchada. O tórax fica mais fino e a barriga acaba apresentando um formato que lembra bastante o de uma coxinha.

Acompanhe a perda de peso

Caso o felino acabe perdendo peso rápido demais, este também pode ser um sinal da presença de vermes. Mas é importante salientar que este é um sinal que pode indicar uma série de outras doenças, por isso é importante avaliar junto a um veterinário.