Fofuxo.com

Pets que comem insetos

Será que este tipo de comportamento pode trazer algum risco para a saúde dos animais?

Se você é um dono exemplar para o seu pet com certeza se esforça para oferecer ao animal o que existe de melhor em termos de alimentação. Compra rações de acordo com a idade, oferece sabores variados e até mesmo investe em alguns petisquinhos diferentes para o seu cão ou gato de vez em quando. E na maioria dos casos, para estes donos, é frustrante descobrir que o animal prefere alguns insetos encontrados pelo jardim.

Pets que comem insetos

Realmente muitos cachorros e alguns hábitos acabam desenvolvendo o hábito de comerem os mais variados insetos que acabam surgindo pela casa. Mas será que realmente isso pode ser considerado um problema?

Por que eles comem insetos?

Antes de mais nada é preciso entender o motivo que leva alguns pets que são bem alimentados e que não passam fome, a comer insetos. Na verdade é tudo uma questão de instinto. Os seus antepassados eram caçadores, e agora os animais que são criados no conforto de um lar não precisam se esforçar para conseguir seus alimentos.

Mas em algum lugar escondido no seu código de DNA ainda existe aquela vontade de correr atrás de tudo que se move, e a caçada aos insetos seriam estes instintos dando o ar da sua graça.

Tanto os cachorros quanto os gatos acabam desenvolvendo estratégias diferentes durante a sua caçada aos insetos, mas os dois tendem a desenvolver este comportamento, especialmente quando são criados mais ao ar livre. Os cães preferem desenvolvem menos este comportamento, especialmente quando são criados sozinhos, já que seus antepassados caçavam em bando.

Já os gatos tendem a caçar insetos um pouco maiores e geralmente caçam sozinhos, seguindo o que seus antepassados faziam.

Alimento errado

Pets que comem insetos.

Normalmente estes insetos não fariam mal aos animais, salvo aqueles que possuem veneno no seu corpo. O problema está no fato de que o organismo dos cães e gatos que são criados dentro de casa já não são mais os mesmos dos seus antepassados, e por conta disso tendem a ser mais frágeis em relação a determinadas substancias que são encontradas nos insetos.

Portanto, é sempre importante observar o animal, caso ele apresente algum comportamento diferente depois de comer o inseto, é necessário o encaminhamento para o veterinário. 

Postado em - Atualizado .


Pela Web

Comentários