Quando uma gata grávida dá à luz aos seus filhotes, a primeira coisa que as pessoas costumam fazer é começar a dar os nomes para os filhotes. Mas uma dúvida que pode surgir, e que costuma ser bem menos fácil de ser resolvida como quando estamos lidando com cachorros, por exemplo, é o sexo dos bebês que acabaram de nascer. Afinal de contas, estamos lidando com gatinhos ou com gatinhas?

Gatos: você sabe identificar o sexo do seu pet?

Realmente, se você não tem muita experiencia com gatinhos filhotes, não fique chateado caso realmente não consiga identificar o sexo do seu felino. E, quanto mais novo for o filhote, maior será a dificuldade. Isso porque tanto o pênis quanto a vulva dos felinos ficam escondidos, diferentemente do que acontece com os cães, que ficam mais evidentes.

Mas existem alguns truques que podem ajudar na hora de definir o sexo do gato filhote. Para isso, será preciso observar a região da genitália com mais atenção. No macho, é possível identificar os testículos quando não castrados ou uma bolsa de pele vazia quando o gato for castrado. A distância entre o ânus e o pênis do gato é maior do que a distância da vulva e o ânus na fêmea, por isso é importante também ter este cuidado.

Gatos: você sabe identificar o sexo do seu pet?

Além disso, também será possível saber o sexo do felino analisando de uma forma mais clara a região ao levantar o rabo do pet. Os machos que não foram castrados são mais fáceis de serem identificados, pois os testículos já desceram para a bolsa, depois de uma certa fase. É possível conferir duas protuberâncias na pele, entre o ânus e o pênis, que em adultos tem uma distância de mais ou menos 3cm.

Nas fêmeas, a vulva fica mais perto do ânus, sendo que ela apresenta uma ranhura vertical, lembrando a letra “i”. Uma curiosidade entre as fêmeas: na grande maioria dos casos,, os bichanos que possuem três cores costumam ser fêmeas, em virjtude do fato do cromossomo X estar ligado