Fofuxo.com

O que fazer quando um gato come um rato?

Preciso me preocupar se meu animal de estimação comeu um rato ou um camundongo?

Diversos donos de gatos lutam contra a realidade de uqe o seu gato querido é um animal que possui instintos refinados para caça. Os gatos gostam de caçar, e possuem técnicas naturais que envolvem toda a perseguição do animal, além disto eles espreitam e aguardam de forma paciente a hora perfeita para atacar sua presa. Este é um comportamento instintivo que acaba trazendo uma boa alegria para a rotina diária dos gatos.

O que fazer quando um gato come um rato?

Mesmo que os gatos estejam bem alimentados, eles eventualmente irão caçar e poderão presentear seus donos com um radinho para mostrar seu talento e o carinho para você, esperando que você compartilhe desta emoção. É claro que na maioria das vezes não é o que acontece, ou o gato acaba comendo a presa e aí surgem as dúvidas, se seu gato comeu um rato, se isto irá fazer mal para ele.

Meu gato caçou um rato e agora?

Levando em conta os problemas mais comuns que podem acometer os nossos pets, é possível citar a contração de vermes intestinais, bem como toxoplasmose, raiva, leptospirose, intoxicação secundária, no caso do rato ter ingerido algum tipo de veneno, etc.

Caso seu gato tenha comido um rato, ele pode se contaminar com toxoplasmose, esta que é uma doença sistêmica gerada por um protozoário, que é um parasita que infecta todos os animais de sangue quente, e pode afetar até mesmo os seres humanos.

Tanto cães como gatos poderão ser infectados com este protozoário através da ingestão de roedores e coelhos que tenham este tipo de protozoário e que o tenham desenvolvido nos seus músculos.

O que fazer nesta situação?

O que fazer quando um gato come um rato?

Os gatos podem ser infectados com lombrigas comendo camundongos ou mesmo ratos infectados com larvas de lombriga em seus músculos. Estas são vermes parasitas de intestino, e é comum se encontrar cães e gatos jovens que estão contaminados com lombrigas.

Além disto há um pequeno risco do seu gato sofrer com envenenamento secundário se o roedor que ele caçou tiver ingerido anteriormente algum tipo de veneno para ratos. Seu nível de toxicidade para o gato dependerá do tempo, da quantidade e o tipo de veneno que o roedor tiver consumido, e o número de roedores que seu animal tiver caçado.

Se seu gato tiver a liberdade de passear ao ar livre, vale a pena considerar instalar um passeio ao ar livre para seu gato no quintal. Isto não irá impedir o mesmo que roedores entrem no recinto do gato, mas impedirá ao menos limitar atividades naturais de caça do seu felino

Postado em - Atualizado .


Pela Web

Comentários