Quem costuma passar os dias ou as noites mais próximas do seu pet já deve ter percebido que alguns cachorros roncam bastante enquanto estão dormindo. Alguns fofuxos roncam tanto quanto os seus donos humanos.

Entenda o que causa o ronco em cachorros

De acordo com os veterinários, as causas dos roncos nos cachorros costumam ser muito parecidas com a dos humanos. Pode ser considerado relativamente comum quando os pets roncam uma vez ou outra, mas alguns fatores podem fazer com que os roncos sejam frequentes na vida dos cães.

Raças

Algumas raças de cães costumam apresentar uma maior propensão para os roncos: pugs, shih tzus, lhasa apsos, buldogues, raças de focinho curto e achatado, ou braquicefálicas. No caso destes animais, a anatomia do focinho e do palato – o céu da boca – faz com que a respiração deles gere mais ruído durante a passagem do ar das narinas até a traqueia.

Saúde

Entenda o que causa o ronco em cachorros

Além disso, existem fatores relacionados a saúde dos pets que também pode influenciar nos roncos dos pets. Aqueles que estão acima do peso geralmente roncam mais durante a noite, pois o excesso de peso faz com que os cães tenham uma maior dificuldade para respirar.

Algumas outras questões relacionadas a saúde também podem contribuir para os roncos dos dogs, tais como a existência de tumores e disfunções da glândula tireoide. Neste caso, os problemas podem sem identificados somente depois de uma profunda analise de parte dos veterinários.

O que fazer?

Caso o cachorro ronque apenas de vez em quando, ou depois de fazer mais exercícios do que está acostumado, pode ser natural. Experimentar mudar ele de posição pode ser interessante para cessar o barulho. Por exemplo, fazer com que durma de lado é melhor do que deixar ele dormindo de barriga para cima.

Mas caso o ronco seja frequente e constante, e, principalmente, se o tutor perceber que ele apresenta alguma dificuldade para respirar enquanto está dormindo, a dica é levar ele ao veterinário.