Fofuxo.com

Dicas para passear com o pet nos dias de chuva

Passear com um cãozinho na chuva é um verdadeiro desafio, veja algumas dicas.

As chuvas são um sinônimo de má notícia para os cães, afinal de contas, quando começa a chover os donos costumam se utilizar do mal tempo como desculpa para não levar seus pets para passear ao ar livre. Isto deverá significar que ao invés de explorar o mundo, os animais terão de ficar em casa.

Dicas para passear com o pet nos dias de chuva

A grande ideia de que não faz bem passear com animais de estimação quando está chovendo é um verdadeiro mito. As pessoas acreditam nisso pois a maioria delas não quer se molhar e ter o trabalho de limpar e secar o animal posteriormente. Além disto, passear com o pet em dias chuvosos não compromete a saúde e bem estar do animal, desde que se tenham alguns cuidados.

Somente os cães que tomarem vacina contra leptospirose poderão dar uma volta sob a chuva. Além de tudo isto, os donos precisam secar muito bem o animal ao retornar para a casa. Caso os donos não sequem o animal, e deixem o mesmo em contato com o frio, ele poderá ficar gripado e desenvolver problemas respiratórios.

A pele do cão leva até 48 horas para secar por completo, por este motivo, após o passeio na chuva, o tutor possui uma missão de secar o pelo do bichinho e garantir que ele não seja exposto a friagem.

Toalhas secam bem o pelo do cãozinho, e se necessário é permitido a utilização de secador em temperatura morna. Os cães não podem ser expostos a temperaturas muito altas.

Como podemos compensar as caminhadas em dia de chuva?

Dicas para passear com o pet nos dias de chuva

Os cães que estão acostumados a uma rotina de passeios ficam desesperados nas épocas chuvosas. Se o objetivo dos passeios é fazer com que os pets façam suas necessidades na rua, tutores precisam garantir que isto possa acontecer dentro de casa também.

Muitos animais poderão começar a reter urina pois estão acostumados a passear com frequência. Se isto acontecer, os animais poderão desenvolver problemas de saúde como infecção urinária por exemplo.

Se o dono preferir não passear com o animal, a saída é ensinar o seu pet fazer suas necessidades em casa. Assim ele irá saber o que fazer quando não puder dar uma voltinha.

Caso o pet já esteja acostumado com uma rotina de passeios, procure molhar o tapete higiênico ou jornal com a sua urina. O cheiro irá ajudar o cãozinho a entender que poderá fazer suas necessidades ali.

Agora, se o objetivo dos passeios é garantir uma rotina de exercícios saudáveis, é aconselhável que os tutores façam o cachorro gastar a energia em casa. Procure então brincar com seu cãozinho e dê mais atenção a ele, ajudando o mesmo a se distrair.

Postado em - Atualizado .


Pela Web

Comentários