Fofuxo.com

Dicas para escolher produtos contra pulgas e carrapatos

É preciso tomar alguns cuidados antes de comprar este tipo de produto.

Os donos de cães possuem problemas em relação as pulgas e também aos carrapatos. Afinal de contas, estas parasitas são conhecidas por tornar a vida dos cães em um verdadeiro inferno, o que também acaba acontecendo com as pessoas que estão ao redor. Além do incomodo das coceiras que eles causam, tanto as pulgas quanto os carrapatos podem trazer sérias doenças.

Dicas para escolher produtos contra pulgas e carrapatos

O primeiro movimento da grande maioria dos donos de cães quando percebem que as pulgas e os carrapatos tomaram conta do corpo do pet é ir até uma loja para comprar produtos que podem ser utilizados como repelentes. Neste caso, as consultas com os veterinários acabam sendo deixadas de lado, já que este pode ser considerado algo simples de ser resolvido.

Na hora de fazer essa compra, existe uma grande quantidade de produtos, de diferentes tipos de marca, que podem ser comprados. Mas é preciso ter alguns cuidados e também levar algumas coisas em consideração na hora de fazer essa compra. Confira algumas dicas na hora ne adquirir estes produtos.

Leia sempre o que o rótulo diz

Essa informação realmente é importante e as vezes nem sempre é levada em consideração. É importante ler atentamente as informações do rótulo antes de começar a aplicar estes produtos no corpo do cachorro. Muitas vezes o produto em questão age apenas contra determinados tipos de parasitas, o que nem sempre resolve o problema.

É importante dar preferência para os produtos que matam não apenas os parasitas, mas também os ovos que são deixados por eles no corpo do animal, e que também podem acabar causando uma série de problemas.  

Cuidado com os produtos comestíveis

Dicas para escolher produtos contra pulgas e carrapatos

Existem diversos produtos que agem contra as pulgas e os carrapatos de dentro para foram. Mas este tipo de medicamento deve ser comprado somente com recomendação veterinária, uma vez que eles podem dar reações fortes em determinados cães. Na dúvida, prefira os produtos de uso externo, que acabam sendo mais fáceis de controlar.

Atenção para a durabilidade

Nem sempre as pessoas utilizam todo o produto na mesma aplicação, e isso significa que eles acabam sobrando. Mas é importante ficar de olho no tempo de durabilidade do mesmo, para evitar utilizar produtos estragados nos cachorros.

Postado em .


Pela Web

Comentários