Os pets, assim como os humanos possuem unhas nas patas dianteiras e traseira com crescimento contínuo. Caso o animalzinho viva em um ambiente onde o solo possui um grau de aspereza naturalmente suas unhas sofrem desgaste e não precisam ser cortadas. Alguns cães e gatos por exemplo, que vivem em chácaras, sítios, fazendas ou casas com chão de cimento ou pedra.

Dicas para cuidar das unhas de cães e gatos

Coso seu melhor amigo viva em um apartamento ou casa que possua um piso liso, é bastante provável que ele precise cortar as unhas ao menos uma vez ao mês. A finalidade deste procedimento é evitar tanto arranhões nos tutores como escorregões, além do que a unha grande pode penetrar na pele gerando lesões.

Como posso cortar as unhas dos cães

Para realizar o corte de unhas dos cães é importante contar com um cortador de unhas específico, já que estas são bastante rígidas, o mesmo poderá ser encontrado em pet shops e deverá ser higienizado após a sua utilização.

Outra particularidade é que a unha é dividida em duas partes, a porção vascularizada e não vascularizada, por isso devemos cortar somente a área não vascularizada com a finalidade de evitar sangramento e dores neste animal.

Dicas para cuidar das unhas de cães e gatos

Quando sua unha for de coloração clara a divisão é identificável, agora, quando a coloração é escura, nem sempre é possível diferenciar, uma boa dica é pedir para que um veterinário mostre onde é o local correto de corte para que nas próximas vezes você faça sozinho.

Como cortar as unhas dos gatos

Estas são mais simples, 100% das unhas dos gatos possuem uma coloração clara e são menos duras que as dos cães. Neste caso é possível fazer o aparo com cortadores de unha convencionais utilizados em humanos.

Este é um procedimento simples e prático de fazer em casa, as unhas cortadas corretamente geram conforto e bem estar tanto para o proprietário como para o animalzinho de estimação.