Fofuxo.com

Conheça os efeitos que os corticóides podem ter em cães

A utilização prolongada do medicamento pode ser irreversível.

Os medicamentos que possuem corticoides oferecidos de forma oral, ou mesmo injetáveis normalmente são utilizados para o trato de coceira alérgica dos cães. Em um primeiro momento eles podem auxiliar nos sintomas, mas podem gerar danos irreversíveis para os cães.

Conheça os efeitos que os corticóides podem ter em cães

Conforme profissionais da área, alguns corticoides, como por exemplo o cortisol, naturalmente são fabricados pelo organismo, nas glândulas suprarrenais, e uma das principais funções do mesmo está em contribuir para que o organismo reduza as suas inflamações, controle o estresse e ainda auxilie no funcionamento do sistema imunológico além de manter níveis de açúcar do sangue normalizados.

O problema dos corticoides para cães

Naturalmente, esta substância no organismo canino oferece diversos benefícios, quando são administrados de forma intencional, poderão gerar diversos efeitos e reações nos cães, entre eles a respiração ofegante, aumento de urina, sede e fome em excesso, além de tornar o animal mais vulnerável a possíveis infecções. Os efeitos dos corticoides para os cães são muito abrangentes, e acabam fugindo da regulação convencional do organismo.

Como atuam no metabolismo do animal, o aumento de peso é outro tipo de preocupação que ocorre. Sempre que a utilização estes medicamentos ocorrem de forma extensa, os níveis de glicose do organismo aumentam, predispondo assim o diabetes. Há ainda situações de retenção de líquidos, a alteração de distribuição da gordura no organismo, tudo isto juntamente ao aumento do apetite e um leve aumento de peso.

Conheça os efeitos que os corticóides podem ter em cães

No mercado brasileiro, até pouco tempo atrás, os tratamentos comuns utilizados para a situação de alergia eram através de corticoides. Mas a partir do ano passado, foi lançado um medicamento que não possui estes componentes e auxiliam de forma melhor o cão, o Apoquel, fabricado pela Zoetis.

Tenha cuidado com a saúde do seu cãozinho

Os especialistas no assunto apontam que alguns animais que fazem a utilização regular de corticoides para o trato de prurido alérgico ás vezes desenvolvem doenças hepáticas, bem como doenças renais, pancreáticas e gastrointestinais.

O alerta é válido já que a coceira dos cães é um dos problemas mais comuns que ocorrem nos consultórios veterinários. Para se ter ideia, de cada 10 proprietários que levam seus animais para a assistência de veterinários, pelo menos 4 a 8 apresentam alguns problemas dermatológicos, desta forma são diversas as situações e queixas, mas o prurido é a principal. Leve isto em conta, e escolha o melhor tratamento para não piorar mais ainda a saúde do seu cão.

Postado em .


Pela Web

Comentários