Fofuxo.com

Confira algumas fobias de cachorros

Se seu cão possui medo de barulhos, pessoas ou outros animais, saiba que ele sofre de fobias.

Como acontece com as pessoas, é fato que os cães possuem também medos e se assustam com muitas coisas. Da forma que existem alternativas para amenizar o medo, este processo é diferente para os cães já que temos a consciência de onde pode vir nossos medos, ao contrário do que acontece com nossos cãezinhos.

Confira algumas fobias de cachorros

Os medos e fobias dos cães são mais comuns do que se pode imaginar, mas podem sim passar por tratamentos. Na sua maioria, contam com origem durante o crescimento do cão, podendo inclusive cessar quando a causa desaparece. Conheça algumas fobias de cães e saiba como lidar melhor com elas.

A fobia de sons

Muito comum, os cães possuem medo de barulhos como fogos de artifício, campainhas, trovoadas, entre outros sons. Alguns cães por sua vez, apenas latem, outros tremem, outros correm para se esconder e podem inclusive chegar a babar de tanto medo que possuem. Esta situação acontece por conta do instinto canino de proteção, os barulhos altos e desconhecidos acabam remetendo ao perigo, e por este motivo ele irá tentar fugir do problema.

Confira algumas fobias de cachorros

Bem ao contrário do que as pessoas pensam, este tipo de reação não ocorre pela sensibilidade da audição do cão, mas devido á fobia. Por este motivo, para evitar que ele possa desenvolver este tipo de problema, durante seu crescimento a partir de dois meses de idade, o ideal é expor o seu filhote a esses barulhos para que possa se acostumar. Procure ficar com ele, além de o distrair com petiscos e brincadeiras de forma que o barulho não possa ser associado a nenhum tipo de trauma.

A fobia de pessoas

Existem alguns cães, principalmente de pequeno porte que possuem medo de pessoas, o que ocorre por conta da falta de socialização, por isso permita que seu cão desde pequeno interaja com outras pessoas, além de crianças.

A melhor terapia para resolver estes problemas é o treinamento e o adestramento, que podem fazer toda a diferença no trato e na educação do seu bichinho.

Postado em .


Pela Web

Comentários