Por Rodrigo Bueno

publicado em Saúde

Muitas das doenças que podem ser encontradas em humanos também existem em animais domésticos, como os cachorros. E problemas que afetam a visão estão entre estes males que podem ser compartilhados. Erros de refração nos olhos dos humanos, como miopia, hipermetropia e astigmatismo, também podem ser encontrados nos olhos dos cães.

Cachorro pode ter miopia?

A grande diferença, neste caso, é a forma como este tipo de problema acaba impactando na rotina dos bichos. Estes são problemas que acabam tendo um impacto significativo na vida dos humanos, pois nós dependemos muito do bom funcionamento dos olhos para levar uma vida normal. Já nos cães, estes problemas vão afetar de forma significativa sua qualidade de vida apenas quando estiverem em graus mais elevados.

Essas alterações, na grande maioria dos casos, vão passar despercebidas pelos cães. Enquanto que o ser humano realmente tem a necessidade de alterar o foco da visão para entender o que está perto e o que está mias longe, os animais como os cães acabam tendo outras habilidades que suprem essa necessidade.

Cachorro pode ter miopia?

Doenças como a miopia, a hipermetropia e o estigmatismo podem acabar tendo um impacto mais significativo na vida dos cães que foram selecionados para cumprir determinadas funções junto aos humanos. Um exemplo é o cão-guia, que realmente precisa ter uma visão sadia para conseguir identificar os principais obstáculos que serão enfrentados pelas pessoas que não enxergam. O mesmo acontece com cães policiais, que precisam ter plena noção de tudo o que está acontecendo ao seu redor.

Mas essas alterações realmente podem acontecer, especialmente nos cães que são considerados como braquicefálicos, ou seja, cuja principal característica da face é o focinho mais curto.

Os especialistas recomendam que os humanos levem os pets para avaliação ocular sempre que perceber que ele está enfrentando alguma dificuldade para se movimentar dentro de um determinado espaço ou então quando o cachorro já estiver com uma idade um pouco mais elevada, já que o problema acaba se tornando mais evidente na medida que o tempo vai passando.