A presença dos gatos nos lares brasileiros tem aumentado, de acordo com as pesquisas mais recentes. Mesmo que os cachorros ainda estejam entre as preferencias nacionais, os gatos acabam surgindo como alternativa especialmente para as pessoas que moram em espaços menores e que acabam ficando pouco tempo em casa.

5 dicas para deixar o seu gato mais seguro em casa

Os gatos possuem uma aura independente que acaba atraindo as pessoas que não possuem muito tempo para cuidar de todas as necessidades dos cachorros, especialmente relacionado a passeios e brincadeiras. Mas, mesmo que os felinos realmente costumem se comportar melhor em espaços pequenos e fechados, é preciso tomar alguns cuidados.

Confira 5 dicas para manter a segurança dos seus felinos dentro de casa ou de apartamentos.

Fique atento aos fios elétricos

Os gatos costumam ser bastante curiosos e eles gostam de brincar com coisas que ficam balançando ou penduradas. E como eles possuem uma excelente agilidade, conseguem atingir diversos locais. Por isso, é fundamental dar uma boa revisada na casa toda em busca de possíveis fios elétricos que possam levar perigo para os pets.

Mantenha a casa fechada

Ou instale grades de proteção em qualquer local que possa se tornar uma saída para os gatos. Especialmente se as pessoas morarem em apartamentos. Os felinos, mesmo acostumados a ficar dentro de casa, acabam tendo uma natureza exploradora e adoram dar escapadas.

Não deixe nada perto da beirada de móveis

5 dicas para deixar o seu gato mais seguro em casa

Como os gatos gostam de pular e de movimentar pela casa toda, incluindo os móveis, é importante que as pessoas não deixem nada que possa cair e quebrar. Mantenha os objetos afastados das beiradas de mesas, estantes e similares.

Cuidado com as plantas

Algumas plantas que costumam ser mantidas dentro das residências podem acabar se transformando em um verdadeiro perigo para os gatos. Por isso, tenha sempre muito cuidado com o tipo de vegetação mantida neste espaço.

Ofereça atividades

Os gatos também podem ficar deprimidos quando ficam muito tempo sozinhos em casa. Por isso, é importante oferecer algumas atividades, deixando alguns brinquedos para que os felinos consigam aproveitar ao longo das horas.