A Uber está retomando nos Estados Unidos uma modalidade que permite com que os passageiros levem pets nas suas viagens com carros. Chamado de Uber Pet, os testes retomam uma modalidade que já existia em alguns países, inclusive no Brasil, e que pretende facilitar a vida de quem precisa se deslocar com cães e gatos, recompensando os motoristas.

Uber retoma modalidade que permite levar cachorros e gatos no carro

O Uber Pet será disponibilizado como uma categoria dentro do aplicativo. Ou seja, os passageiros que estiverem com cachorros ou com gatos deverão selecionar esta modalidade no momento que estiverem solicitando a viagem. Isso garante que o passageiro viaje apenas com motoristas que estejam preparados para levar os animais de estimação.

Esta modalidade vai cobrar uma taxa adicional, que deve variar entre US$ 3 a US$ 5 nos Estados Unidos, dependendo do trajeto. Uma parte deste valor será destinado aos motoristas que optarem por fazer este tipo de viagem. Caso não queira participar, os motoristas podem escolher por não ser chamados nesta modalidade.

Os testes devem começar a partir de 16 de outubro entre todos os clientes das cidades americanas de Austin, Denver, Filadélfia, Nashville, Minneapolis-St. Paul, Phoenix e Tampa Bay. O Uber Pet deve, então, ser expandido para mais lugares e países; é o que aconteceu com o Uber Comfort, por exemplo.

Uber retoma modalidade que permite levar cachorros e gatos no carro

“Esse novo recurso permite que você comunique ao motorista que vai levar um amigo peludo (ou com escamas!) para a sua viagem de Uber”, diz a empresa em comunicado. “Criamos esse recurso para dar tranquilidade aos motoristas.”

O Brasil já teve uma modalidade parecida com essa, mas que durou apenas alguns meses. O serviço acabou sendo encerrado depois de uma mudança de postura de empresa, que passou a afirmar que todos os serviços da Uber são pet friendly — ou seja, bichos podem ser aceitos pelos motoristas parceiros”.