O cachorro labrador que acabou se tornando a principal companhia do ex-presidente dos EUA George H.W. Bush nos últimos meses apareceu em uma foto comovente neste final de semana. O cachorro foi fotografado deitado ao lado do caixão onde estava o corpo de “Bush pai”, falecido no último sábado, dia 1º de dezembro.

Cachorro de ex-presidente dos EUA falecido aparece ao lado do caixão do ex-dono

O nome do labrador era Sully, e a imagem foi divulgada pelo assessor do ex-presidente Jim McGrath com a legenda “Missão Completa”. O labrador tinha dois anos de idade e foi treinado para obedecer a diversos comandos. De acordo com as informações que foram divulgadas pela imprensa, até mesmo atender telefone o cachorro sabia.

Bush pai passou os últimos anos com diversos problemas sérios de saúde, incluindo um tipo de Mal de Parkinson que obrigava a utilizar uma cadeira de rodas para se locomover. Sully acabou se tornando a principal companhia do ex-presidente depois que sua esposa, Barbara Bush, morreu em abril deste ano.

Cachorro de ex-presidente dos EUA falecido aparece ao lado do caixão do ex-dono

Sully recebeu esse nome em homenagem ao ex-piloto de aviação Chesley B. "Sully" Sullenberger III, que ficou famoso por pousar um avião de passageiros danificado no rio Hudson e salvar todos os 155 passageiros e tripulantes, em 2009. Ele tinha uma conta própria no Instagram, com mais de 80 mil seguidores.