Uma pesquisa divulgada recentemente pela empresa DogHero mostra que os brasileiros estão, cada vez mais, terceirizando determinadas atividades que precisam ser feitas para manter a qualidade de vida dos nossos animais de estimação, como os passeios diários. De acordo com os dados obtidos no levantamento, pais e mães de cães chegam a gastar até R$ 1.300 por mês com passeadores que mantêm a rotina de passeios dos seus animais.

Brasileiros gastam até R$ 1,3 mil por mês com passeadores

Segundo as pesquisas, a média de gastos mensal dos tutores para este tipo de atividade fica em torno dos R$ 245 para os planos de passeio. O levantamento foi realizado com base nos dados que estão disponíveis em seu banco de dados, com mais de 18 mil anfitriões e passeadores.

A DogHero, que iniciou suas atividades com um sistema que ajudava aos donos de cães a encontrarem pessoas e casas para hospedar seus pets durante suas viagens, também expandiu seus serviços, abrindo sua plataforma para o cadastro de passeadores e possíveis clientes. Lançado em 2018, o serviço de passeios da DogHero está presente em 10 cidades brasileiras: São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Brasília, Curitiba, Campinas, Osasco, Santo André, São Caetano do Sul e São Bernardo do Campo.

Brasileiros gastam até R$ 1,3 mil por mês com passeadores

De acordo com Fernando Gadotti, cofundador da DogHero, além da facilidade, da rapidez em encontrar um passeador confiável e da segurança de todo o processo, os clientes escolhem o serviço oferecido pelo app por entenderem que vão encontrar passeadores que realmente gostam de cachorros, sabem sobre comportamento canino, respeitam o cãozinho e dão atenção exclusiva.

"Sabemos que cada cachorro é um cachorro e que não há um padrão para as necessidades: há desde aquele cãozinho que gosta de dar uma voltinha na rua para farejar novos ares e fazer xixi e cocô, até os que amam corridas para gastar energia. A DogHero é a única que oferece uma solução de passeio personalizado de acordo com a necessidade do cliente e do seu cachorro. E isso é, sem dúvida, um dos aspectos que eles mais gostam", pontua.