Muitas raças de cachorros contam com uma grande quantidade de pregas espalhadas por todo o corpo. Isso é o que acaba dando a aparência fofa para cachorros de raças como boxer, pug, pequinês e também para o buldogue. Mas estas pregas também podem acabar trazendo alguns problemas de saúde para os cães, que devem despertar a atenção e os cuidados dos donos.

Saiba mais sobre Intertrigo em cães

Nas regiões que são conhecidas popularmente como dobras pode acabar surgindo uma infecção de pele, chamada pelos veterinários de Intertrigo. O problema deve ser tratado como uma doença que inspira cuidados de parte dos donos, uma vez que o animal pode acabar tendo uma série de outros sintomas a partir desta infecção.

Principais causas

A principal causa do Intertirgo acaba sendo a umidade que pode se acumular entre as dobras. A região sobre uma grande quantidade de fricção, ao mesmo tempo que pega pouco sol e ar. E isso faz com que surjam as dermatites. Não são apenas nas dobras que ela pode aparecer, também é bastante comum que os cães que contam com o lábio superior maior que o inferior também tenham a Intertrigo.

Principais sintomas da dermatite

Saiba mais sobre Intertrigo em cães

Dentre os principais sintomas da doença estão: vermelhidão na área afetada, inchaço, coceira constante capaz de causar ferimentos, presença de líquido purulento e também lambedura contínua.

Como tratar e prevenir

Este tipo de dermatite deve ser tratada sob a previsão de um veterinário. Dentre os principais procedimentos feitos para tratar a doença estão higienização diária da região afetada, secagem acentuada e aplicação de produtos que possuem como principal finalidade controlar a infecção.

Além de mandar as dobras dos cães sempre limpas, fazer com que ele siga uma dieta adequada é uma boa forma de prevenir o surgimento ou o agravamento da doença.