Muitos donos podem reparar que os seus cachorros podem ter alguma dificuldade na hora de fechar os seus olhos. Esta pode ser um dos problemas causados por uma doença chamada blefarite, que também pode acabar aparecendo em humanos.

Saiba o que é a Blefarite

Essa não é uma doença que pode ser considerada bastante comum entre os animais de estimação, sendo que isso pode até mesmo fazer com que ela passe despercebida pelos donos. Alguns deixam para procurar o veterinário apenas quando a doença já está bastante avançada, o que pode acabar causando um grande problema.

Causas

Existem diversos tipos de causas para esta doença, sendo que os veterinários dividem o problema em quatro grupos distintos: congênito, bacteriano, neoplásico e alérgico. Elas mudam de acordo com a causa. Existem alguns cães que já nascem com o problema.

Mas a doença também pode acabar sendo causada pela ação de bactérias do tipo Staphylococcus e Estreptococo, ou por agentes que se aglomeram em um tecido, como as adenomas sebáceas e adenocarcinomas.

Principais sintomas

Saiba o que é a Blefarite

Dentre os principais sintomas da Blefarite estão perda de pelo na região afetada, pele escamada, surgimento de uma elevação na pele com ou sem pus, excesso de secreção purulenta nos cílios, escoriações na pele, coceira na área, visão turva e também conjuntivite.

Tratamentos

Os tratamentos vão basicamente depender do tipo de Blefarite que for diagnosticada no cão. o geral, é recomendado que o animal passe a usar um colar elisabetano, para evitar que ele coce o olho e cause escoriações, piorando o problema. Quando se tratar de problemas alérgicos, o tutor vai precisar retirar os alegremos da vida do cachorro, seja ele comida, picada a insetos ou outras substâncias.