Por Rodrigo Bueno

publicado em Curiosidades

O luto é um sentimento que acaba sendo inerente ao ser humano. A grande maioria das pessoas já passaram por esta grande tristeza que é a de justamente acompanhar a morte de alguma pessoa muito próxima, ou alguém pelo qual nutrimos algum tipo de sentimento mais consolidado.

Pesquisa afirma que cachorro sofre com luto quando outro cachorro morre

Por outro lado, pesquisas indicam que não são apenas humanos que sentem este tipo de perda. Alguns animais também já apresentaram mudanças de comportamento diante da morte de outro animal da mesma espécie que era próximo, e uma pesquisa mais recente acabou identificando isso também nos cachorros.

A pesquisa foi conduzida por Federica Pirrone, especialista em comportamento animal da Universidade de Milão, e contou com 426 voluntários que tinham perdido pelo menos um dos seus cães recentemente, enquanto ficou um ou mais cães na mesma casa. A pesquisa se deu através de um questionário que foi feito online.

Os dados tabulados mostraram que 86% dos cães apresentaram alterações comportamentais após a perda do amigo. 67% deles ficaram mais carentes, 57%, menos brincalhões, 46%, menos ativos e 35%, mais medrosos. Além disso, 35% dos animais passaram a dormir mais, 32% a comer menos e 30%, a latir ou chorar com mais frequência.

Pesquisa afirma que cachorro sofre com luto quando outro cachorro morre

Além disso, o estudo indica que essas mudanças no comportamento seguem por um período que dura entre dois e seis meses. A pesquisa indica também que estes comportamentos não são influenciados pelo fato de o cão sobrevivente ter visto o cadáver de seu companheiro, nem pelo sexo, idade ou raça do animal.

O tempo de convivência dos pets na mesma residência também não acabou interferindo no luto daqueles que ficaram vivos. O que mais importava realmente era o relacionamento dos pets. As perdas mais significativas foram registradas quando os cães tinham relação de pai e filho ou ainda quando os dois dividiam o mesmo prato de comida ou realizavam atividades juntos de uma forma corriqueira.

Os pesquisadores afirmam também que a definição de luto em cães não é tão simples assim,  algo que também costuma ser percebido em crianças, e as mudanças do comportamento também podem estar relacionadas ao estado emocional do tutor.