Um projeto está comemorando 11 anos de vida na cidade de Araçatuba, no estado de São Paulo, coloca em contato crianças com necessidades especiais e cães da raça labrador. O encontro faz parte de uma série de atividades feitas durante o tratamento dos pequenos.

Crianças especiais recebem ajuda de cães em tratamento

A ideia do projeto é criar pequenos momentos de descontrações para os pequenos antes deles passarem pelas muitas consultas médicas que acabam fazendo parte da rotina deles. Os encontros entre os pequenos e os cães acontecem no entro de Assistência Odontológica a Excepcionais da Unesp em Araçatuba.

Tratamento

De acordo com os médicos que acompanham as visitas e também com os pais, o projeto realmente ajuda muito no tratamento das crianças, uma vez que elas conseguem ficar muito mais felizes nos momentos que antecedem as consultas e que geralmente acabam sendo bastante tensos em determinados momentos.

Os cães que participam do projeto são labradores adestrados e que estão bastante acostumados com as crianças. De acordo com o relato de quem participa no dia a dia das atividades, no início a maioria das crianças acabam tendo um pouco de receio em ficar próximo ao cão. Mas este sentimento acaba durando muito pouco e logo eles estão brincando.

A doçura das Labradoras é tanta que elas permitem até que as crianças escovem os seus dentes durante os encontros.

Crianças especiais recebem ajuda de cães em tratamentoNeste ano o projeto está completando o seu 11º aniversário, sendo que até o momento já foram registradas mais de mil visitas. Os cães também acabaram ficando muito acostumados com a presença das crianças, o que proporciona uma troca muito interessante. Os pais garantem que, além de melhorar o astral dos pequenos, eles também acabam criando um vínculo afetivo com os animais e também com outras pessoas.

Labradores

A grande maioria dos projetos deste estilo acabam adotando a raça dos labradores. Um dos principais motivos é o fato deste cão estar entre as raças mais inteligentes entre os cães de um modo geral. Ele consegue aprender com muito mais facilidade em relação aos outros animais. É claro que para ele aprender é preciso passar por um programa de adestramento, mas os resultados com esta raça costumam ser mais efetivos.

Além disso também é uma das características do Labrador o fato dele ser companheiro e de gostar de ficar ao lado do ser humano. Enquanto outras raças acabaram se tornando cães de companhia por adaptação, o Labrador sempre foi uma companhia para os donos durante sua história.