Fofuxo.com

Cachorro é adotado por empresa e ganha até crachá de funcionário

Animal recebeu a função de recepcionar os clientes.

Existem muitos casos onde empresas, através dos seus funcionários, acabam cuidando de cachorros de rua que ficam abandonados e que circulam pela região onde está instalada a companhia. Geralmente estes cachorros ganham água, comida e outros mimos. Mas o que realmente acabou chamando a atenção do Brasil foi a história de um cachorro conhecido como “Negão”.

Cachorro é adotado por empresa e ganha até crachá de funcionário

O animal conquistou uma espécie de vaga de emprego honorária em um posto de combustível localizado na cidade de Mogi das Cruzes. De acordo com a história que foi contada pela empresária Sabrina Plannerer e dos seus pais, donos do posto, o animal acabou sendo abandonado no local.

Como o animal percebeu que a movimentação no local era grande e que ali sempre existia o risco de alguém oferecer ou deixar cair alimento, acabo ficando pela região do posto, até que acabou sendo efetivamente adotado. Além dos cuidados e do amor que ganhou, “Negão” também acabou se tornando funcionário do posto, com direito até mesmo a um crachá que foi feito especialmente para o fofuxo.

Cachorro é adotado por empresa e ganha até crachá de funcionário

Os empresários que adoram o animal afirmam que ele acabou se tornando uma espécie de contato comercial, uma vez que rapidamente demonstrou ter o poder de atrair clientes para o estabelecimento. Ele sempre fica no local aguardando as pessoas que vão comprar alguma coisa na loja de conveniência do posto, e agradou especialmente as crianças.

A convivência com os outros funcionários também se mostrou bastante pacifica e amigável, sendo que ele ganhou uma casinha para dormir que fica bem perto do local onde os demais funcionários contam com um vestiário. Além de “trabalhar” no posto, o cachorro também recebe outros importantes cuidados para a sua saúde, como caminhadas diárias pelo entorno do posto. Sempre que precisa, o funcionário canino também conta com a ajuda de uma veterinária.

Tudo corre bem para este funcionário inusitado, que comete apenas um ato de indisciplina de vez em quando: morde e estraga o seu crachá, sendo que os donos do posto já tiveram que fazer mais de 15 peças de identificação para o animal. Mesmo assim, vale a pena manter este cachorro por perto, afirmam os donos do posto.

Postado em .


Pela Web

Comentários