Por Rodrigo Bueno

publicado em Comportamento

Um dos comportamentos que costumam ser ensinados com mais frequência para os cachorros é o movimento de dar a pata, que é basicamente quando o pet oferece a sua patinha para o humano. Alguns cães acabam tendo um pouco mais de facilidade para atender o pedido, mas a grande maioria precisa de algum tipo de treinamento.

Saiba como ensinar o cão a dar pata

Mais do que ensinar o movimento, este tipo de exercício é considerado muito interessante, pois mantém estimulado o cérebro do cachorro e também melhora o relacionamento do tutor com o seu fofuxo. Mas, é sempre importante ressaltar, que o processo de ensino deve utilizar apenas estímulos positivos, nada com agressão ou gritos.

Confira algumas dicas para ensinar o seu cachorro a dar a pata:

Tenha paciência e ensine aos poucos

A primeira coisa a se fazer é realmente ter paciência para ensinar o cachorro este tipo de comportamento. O treinamento deve ser feito aos poucos, e com uma constância que vai garantir que o pet aprenda no seu próprio ritmo. A tarefa deve ser prazerosa tanto para o humano quanto também para o pet.

Ofereça petiscos como recompensas

Saiba como ensinar o cão a dar pata

O estímulo positivo é baseado basicamente no oferecimento de recompensas sempre que o cachorro consegue avançar. Neste caso, é importante dar alguma coisa que ele gosta, e os petiscos costumam funcionar bastante durante este treinamento.

Adote comandos verbais e gestuais

É importante também que os truques do pet sejam vinculados a um gesto adequado ou a algum comando verbal, de preferência que seja de fácil entendimento dos pets. No caso dos comandos verbais, é importante que ele seja composto apenas de uma palavra. E faça sempre um gesto com a mesma mão para que ele entenda o que precisa fazer, o que torna o aprendizado mais fácil.

Ensinando o movimento

Faça o cachorro se sentar. Depois, peque uma das patas ao mesmo tempo que diz o comando verbal, sempre de uma forma calma. Assim que ele realizar o movimento, ofereça um petisco. Continue repetindo o processo até que ele faça o movimento sem que o humano precise puxar a sua pata.