Uma dúvida que todo mundo que possui cachorro tem é com o que eles sonham quando estão dormindo. Sabe-se que realmente eles acabam vivenciando uma experiencia muito parecida com a dos humanos quando estão dormindo, especialmente pela sua movimentação, latidos, choros, etc. Mas será que os cachorros também possuem pesadelos?

Pesadelos: Saiba se os cachorros têm sonhos ruins

Assim como acontece com todos os animais na natureza, as horas de sono acabam sendo fundamentais para a manutenção da vida dos pets. O seu corpo e a sua mente precisam descansar para repor toda a energia que eles gastam ao longo do dia. Cachorros tendem a dormir mais do que os humanos, assim como grande parte dos animais.

A maior parte deste período costuma ser de um sono tranquilo, isso se o cachorro está saudável. Mas uma parte da noite de sonho pode acabar sendo um pouco mais perturbada. É quando eles estão sonhando. Isso costuma acontecer geralmente na fase do sono que é conhecida como REM, caracterizada por movimentos rápidos e aleatórios da região ocular.

Pesquisadores já sabem que, durante este período, algumas regiões do cérebro que correspondem a visão aos movimentos acabam sendo ativadas durante essa parte do sono. O mesmo acontece com os humanos. Essa seria uma prova de que eles realmente sonham. Mas os pesquisadores ainda não conseguem afirmar, ao certo, com o que eles sonham.

Pesadelos: Saiba se os cachorros têm sonhos ruins

Mas, seguindo as evidências das pesquisas feitas tanto com cachorros quanto com humanos, tudo leva a crer que eles de fato possuem sonhos ruins, os chamados pesadelos. Mas os motivos disso acontecer ainda são tão nebulosos quando a pesquisa relacionada aos humanos. Pode ser uma tentativa do cérebro de entender e processar informações e emoções sentidas ao longo do dia.

O fato é que este tipo de comportamento é considerado como normal na maior parte do tempo. Mas caso os cachorros tenham problemas relacionados ao sono de uma forma muito frequente, pode ser um sinal de que ele está com um problema mais sério e precisa ser investigado por um veterinário.