Um dos medos mais comuns entre os donos de cães que moram em casas é de que eles fujam. É normal que os animais de estimação geralmente fiquem soltos no pátio, por isso a chance de que eles fujam acaba sendo maior do que os cachorros que são criados dentro de apartamentos.

Dicas para evitar que seu cachorro fuja de casa

Diversos motivos podem levar um cão a sair correndo para rua e perder o seu caminho de volta para casa. Um dos mais comuns é a interação com outros cachorros. Eles costumam sempre seguir o seu olfato, especialmente quando sentem o cheiro de outros cachorros. Ao correr seguindo o seu faro, ele pode acabar perdendo o caminho de volta para casa.

Confira algumas dicas que podem ajudar a evitar este problema:

Adestramento Básico

Uma dica importante é oferecer um treinamento básico para os cães, especialmente os exercícios que ajudam eles a entender e obedecer determinados comandos. Dessa forma, será mais fácil tentar fazer com que os cachorros fiquem parados ou voltem quando estiverem indo para a sua.

Castração

A castração pode acabar evitando boa parte dos impulsos que levam um cachorro a sair correndo desesperado pela rua. Em muitos casos os cães machos sentem o cheiro de cães fêmeas no cio e acabam perdendo o controle. As fêmeas também podem acabar fugindo quando muitos cachorros machos acabam tentando investir contra elas. A castração evita estes problemas.

Limites

Dicas para evitar que seu cachorro fuja de casa

É muito importante que você estabeleça limites para o seu cachorro e delimite o ponto máximo em que pode chegar. Especialistas recomendam que seja colocada uma corda para demarcar o espaço no chão e não deixar que o cão passe para o outro lado, reforçando as palavras de comando e o agrado quando o cão obedecer.

Mantenha o cachorro com uma coleira

Não é necessário manter o cachorro preso o tempo inteiro, mas em determinados momentos pode ser mais seguro prender o cão. É o caso quando existe uma grande movimentação de entrada e saída de pessoas de casa, momentos em que geralmente portas e portões ficam abertos e facilitam a fuga dos cães.