Se você está de mudança de cidade, de emprego, ou indo de uma casa para um apartamento, saiba que é importante que nestes momentos façamos de tudo para que nossos pets, principalmente nossos gatos se acostumem a nova situação.

Dicas para cuidar do gato durante mudança de casa

Os gatos, bem diferente dos cães, não se adaptam bem a novos ambientes, mas não é algo impossível, exige apenas um pouco mais de paciência e de sensibilidade dos humanos esta adaptação.

Confira algumas dicas que podem fazer toda a diferença e deixar seu peludo mais confortável possível nesta mudança.

Tenha um bom cuidado com sua alimentação

O estresse acaba diminuindo o apetite do seu gato, e ele poderá comer menos. Procure ter cuidado e não troque a ração dele durante este período, é possível o estimular com petiscos, apesar disto, se perceber que ele não come nada, é interessante buscar por um veterinário para receber a determinada orientação.

Mantenha sempre os objetos do seu gato

Esta é uma hora interessante para manter o pote de comida, os brinquedos, etc, deixe para comprar objetos novos depois. Procure não mudar nada pois ele terá de lidar com um lugar totalmente novo, e isso pode interferir em sua adaptação.

Nos primeiros dias de mudança, procure não deixar o gato muito tempo sozinho

Dicas para cuidar do gato durante mudança de casa

Esta é uma situação bastante complicada, pois temos o nosso trabalho, a faculdade, entre diversos compromissos diários, o gato é como um tipo de criança assustada, e não entende o que está acontecendo, os gatos nem mesmo sabem porque estão ali, e nem mesmo o que será a partir de agora, por isso deixar o gato sozinho pode atrapalhar a adaptação. O gato precisará se sentir protegido, e ainda sentir seu cheiro e carinho, você estando no ambiente junto com seu gato, irá tornar a situação muito mais prática.

Faça a adaptação do animal

Em um quarto já com a mudança arrumada, é a hora de colocar as coisas antigas do gato, como os brinquedos, os arranhadores, vasilhas de comida, água e caixa higiênica, procure dispor todos os itens em um canto para que o seu animal se sinta ambientado no espaço.

Outra dica interessante é procurar colocar o gato ainda dentro da caixa de transporte no quarto devidamente preparado, e abra a porta para que ele possa se sentir a vontade para explorar os cômodos, este que deverá sempre ser mantido fechado. Mesmo que o gato tenha saído da caixa de transporte, procure não a retirar de imediato do local, assim, se ele tiver qualquer receio do local, esta caixa será um tipo de refúgio.