Fofuxo.com

Dicas para ajudar o cachorro quando ele perde um amigo

Pets também podem se sentir tristes quando ficam sozinhos.

Os humanos que se apegam aos seus animais de estimação costumam ficar muito tristes quando eles morrem. Isso é algo que vai acontecer com a grande maioria das pessoas, uma vez que o tempo de vida destes animais costumam ser bem menores do que o das pessoas. Mas também existe um sentimento de perda e de tristeza de parte dos próprios pets.

Dicas para ajudar o cachorro quando ele perde um amigo

É bastante comum que as pessoas tenham mais de um cachorro ou de um gato na mesma casa, especialmente quando esses animais ficam mais tempo sozinhos, já que a companhia de outro pet costuma ser interessante para que ele realmente não sinta que está só o tempo inteiro. E quando um deles acaba deixando de estar presente, pode acabar despertando um sentimento de tristeza por parte do que fica.

Confira algumas dicas que podem ajudar a aliviar este sentimento e essa situação como um todo.

Permita a despedida

Alguns especialistas defendem que os animais também podem acabar se despedindo dos mortos. Por isso, pode ser interessante deixar com que o animal vivo inspecione o animal morto, para que ele possa entender o que aconteceu. Apesar deste tipo de comportamento não ser comprovado por toda a comunidade, pode ser uma boa tentar seguir por esse caminho.

Fique de olho nas mudanças de comportamento

O primeiro passo para saber se o animal realmente vai saber sentir a falta é ficar de olho no seu comportamento e notar pequenas mudanças no dia a dia. Geralmente elas acabam sendo expressadas com uma falta de vontade de fazer atividades que costumavam ser feitas anteriormente, ou então na recusa por comida ou água.

Espere um pouco

Dicas para ajudar o cachorro quando ele perde um amigo

Este tipo de mudança no comportamento costuma ser normal, por isso é importante esperar um pouco antes de começar qualquer tipo de mudança em virtude deste comportamento.

Mantenha a rotina

Mesmo que o cão que ficou esteja mais triste e não tenha tanta vontade de fazer as coisas, é importante que as pessoas mantenham a rotina deste animal, especialmente em relação as brincadeiras e os passeios. Um pouco de insistência costuma ajudar a resolver estas questões.

Outro pet

Ao final do processo, pode ser interessante realmente arrumar um novo companheiro ou nova companheira para o pet que ficou.

Postado em .


Pela Web

Comentários