Fofuxo.com

Agressividade e depressão em cães podem ser resolvidos pela psicologia canina

Profissionais do ramo são cada vez mais procurados no Brasil.

Muitas pessoas quando estão sentindo problemas em relação as questões comportamentais procuram profissionais do ramo da psicóloga. Mas hoje em dia as pessoas também podem procurar profissionais deste segmento para resolver problemas dos seus cães. Os psicólogos de cães estão cada vez mais difundidos e procurados no Brasil.

Agressividade e depressão em cães podem ser resolvidos pela psicologia canina

Dentre os problemas que podem ser resolvidos através da metodologia da psicologia canina estão desvios de comportamento relacionados a agressividade do cão, especialmente quando esta não é uma característica marcante da raça em questão, e também questões relacionadas a depressão, cada vez mais frequente nos cães.

Identificando causas dos problemas

Os principais diferenciais de um psicológico canino em relação a um treinador ou até mesmo um veterinário é que ambos os profissionais costumam atuar com foco na resolução do problema pontual que está sendo apresentado pelo cão em um determinado momento da vida dele.

Já os psicólogos antes de partir para as possíveis soluções dedicam boa parte do seu tempo com o animal e com o dono para conseguir identificar as causas deste comportamento ou desta mudança que está sendo observada nos cães. Assim estes profissionais, muitas vezes, conseguem resolver determinados problemas que não podem ser resolvidos com medicamentos ou com treinamentos específicos.

Quando procurar um psicólogo de cães

Agressividade e depressão em cães podem ser resolvidos pela psicologia canina
Os principais motivos que levam os donos de cães a procurar este tipo de profissional é quando o animal passa por uma mudança radical de comportamento que não está necessariamente atrelado a problemas de saúde. Por isso mesmo que este tipo de tratamento geralmente começa a apenas de exames convencionais para descartar problemas de saúde.

Vale lembrar também que os cães também podem apresentar distúrbios comportamentais de outras formas, como crises de coceiras constantes sem um motivo aparente, ou ainda os latidos altos acima da média.

Além da observação do animal, estes profissionais contam muito com as informações repassadas pelo dono, que está presente mais tempo com o cão e que consegue identificar de forma mais precisa mudanças na sua rotina e na rotina do cachorro que podem ter causado algum problema.

Uma característica interessante do trabalho realizado por este tipo de profissional é que na grande maioria dos casos as consultas acabam acontecendo no próprio ambiente onde o animal vive. Esta é uma etapa importante para o psicólogo de cães, já que muito do seu diagnóstico também será dado a partir do que acontece ao redor do animal durante o dia.

Postado em .


Pela Web

Comentários