Os apartamentos acabaram se tornando uma realidade cada vez mais presente no dia a dia das pessoas. Especialmente nas grandes cidades, nas quais os terrenos costumam ser muito mais caros e nos quais as pessoas optam pela verticalização das suas moradias. 

5 dicas importantes para criar cães dentro de apartamentos

E, diante deste cenário, os cachorros começaram a se tornar figuras cada vez mais presentes dentro dos apartamentos. Afinal de contas, os pets se tornaram muito mais do que animais de guarda, e sim animais de companhia. E como as pessoas que moram em apartamentos geralmente possuem famílias menores, o cão se torna ainda mais presente.

Mas como criar, de uma forma saudável, os fofuxos dentro de um ambiente pequeno e fechado? Confira algumas dicas:

Rotina de passeios

Para os cães que moram em apartamentos, a rotina de passeios acaba se mostrando ainda mais importante. Isso porque os pets vão acumular muita energia em um espaço pequeno, e isso pode acabar se reverter em estragos e até mesmo quadros de depressão.

Evite deixar sozinho muito tempo

Por mais que as pessoas precisem trabalhar, é importante pesar isso na hora de adotar ou adquirir um cão. Eles não deveriam ter que ficar muito tempo sozinho dentro de apartamentos, justamente por se tratar de um ambiente com poucas possibilidades em termos de atrativos.

Torne o ambiente mais divertido

5 dicas importantes para criar cães dentro de apartamentos

Caso o cenário acima seja impossível, o tutor vai ter que pensar em uma forma de tornar o ambiente menos chato para os pets. Espalhar brinquedos e criar ambientes pode ser interessante para entreter o cão enquanto ele está sozinho.

Aposte nos mordedores

Especialmente para os cães nos seus primeiros anos de vida, os mordedores acabam se tornando excelente aliados. Eles vão evitar que o cachorro desconte sua energia e sua vontade de morder nos móveis do apartamento.

Tenha uma cama confortável para o pet

Isso pode ser um bom incentivo para que o cachorro realmente deite ali e durma algumas horas, o que será fundamental para manter a saúde física e mental do cão.