Diversas pesquisas mostram que a quantidade de pessoas que adotam gatos tem aumentado consideravelmente no mundo inteiro. Os felinos sempre ocuparam um importante espaço dentro das residências das pessoas, mas parece que agora eles estão conseguindo conquista rum pouco do espaço que sempre foi dominado pelos cachorros.

3 coisas que os donos fazem e os gatos odeiam

Alguns especialistas, como John Bradshaw, investigador da Universidade de Bristol, no Reino Unido, afirmam que os felinos podem ser considerados como os gatos do ano. Mesmo assim, os donos que estão migrando dos cães para os gatos devem entender que os bichanos apresentam uma personalidade bem diferente.

Confira algumas atitudes que as pessoas geralmente tomam e que os gatos odeiam:

Mudanças

Pesquisas confirmam que os felinos não são nada adeptos das mudanças, das mais variadas formas. Mas as mudanças que mais afetam os gatos são aquelas nas quais as pessoas se deslocam para morar em outro local. Isso acontece em virtude das marcações que os felinos fazem nos locais, delimitando um local no qual eles se sentem confortáveis. Em alguns casos, as mudanças podem levar os gatos a morte.

Sustos

3 coisas que os donos fazem e os gatos odeiam

Basta dar uma pesquisada rápida na internet, em alguns dos principais sites de vídeos, para descobrir que os donos adoram dar sustos nos seus gatos, uma vez que eles geralmente apresentam reações diferentes. Mas isso não e nada engraçado para os felinos. Como o gato possui características de caça ainda muito fortes, os sentidos desses felinos ainda são incrivelmente aguçados. A visão tem uma capacidade muito grande, assim como os bigodes, que possuem conexões com todo o corpo do animal. O gato sente que precisa de estar preparado para pegar a caça. E os sustos constantes podem fazer os felinos ficarem traumatizados.

Mexer nas patas

Para os gatos, suas patas são ferramentas de caçadas. Por isso, muitas vezes o que parece uma brincadeira para os humanos é, na verdade, um treino. Mas as patas dos felinos são muito sensíveis. Por isso, quando os humanos pegam nas patas dos gatos eles podem desencadear uma reação nada amistosa.