A ração feita especialmente para os animais de estimação acabou se tornando o padrão em termos de alimentação para os pets, com aa quantidade de vitaminas, nutrientes e sais minerais que garantem, pelo menos na teoria, tudo o que os animais precisam para se manter saudáveis. Mas a ração não deixa de ser um alimento processado e industrializado.

Dicas para fazer uma refeição saudável e caseira para cachorros

Ou seja, as pessoas, quando compram uma determinada ração, acabam tendo que confiar na descrição do pacote para saber o que o seu cachorro está comendo. Por isso, cada vez mais pessoas estão optando por oferecer uma alimentação mais natural para os seus cães. Essa é uma solução interessante para quem deseja ter mais controle do que está sendo oferecido para os animais de estimação, mas é necessário ter alguns cuidados.

Confira algumas dicas para fazer uma refeição completa e saudável para os seus cães:

Quantidades

Quando as pessoas optam por preparar o alimento dos cachorros, é fundamental que a refeição seja balanceada. As quantidades recomendadas para que o alimento seja completo e saudável para os cães são as seguintes: 35% de carboidratos, 30% de carne, 30% de vegetais e 5% de fígado.

Tipos de alimentos

Dicas para fazer uma refeição saudável e caseira para cachorros

É claro que nem todos os alimentos que fazem parte da refeição dos humanos podem ser oferecidos para os cachorros. Confira uma lista de alimentos permitidos:

  • Carboidratos: arroz integral cozido ou batata, mandioca, batata-doce com casca, mandioquinha com casca;
  • Carnes: músculo bovino, filé mignon, filé de peixe sem espinhas;
  • Vegetais: couve-manteiga, espinafre, agrião, vagem cozida, chuchu, cenoura, brócolis, abobrinha;
  • Fígados: bovinos, suíno, frango;

Modo de preparo

Além de escolher os alimentos corretos para fazer parte da refeição dos cachorros, é importante ficar atento ao modo de preparo dessa comida:

- As carnes sempre devem ser cozidas sem tempero, podendo ser oferecidas tanto mal passada quanto ao ponto;

- Os vegetais também devem ser cozidos sem qualquer tipo de tempero. É recomendado que eles sejam cozidos em cubinhos, e sempre devem ser oferecidos quando estão bem macios;

- Depois que os alimentos estiverem prontos, é possível utilizar alguns tipos de temperos, como azeite de oliva ou ervas frescas picadas. Mas eles devem ser utilizados em pouca quantidade.