A ração acabou se tornando o alimento preferencial para os cachorros. Durante muitos anos eles eram alimentados com restos de comida dos humanos. Com o passar do tempo, as pessoas se conscientizaram de que essa não seria a melhor forma de alimentar os fofuxos, já que os temperos utilizados pelas pessoas e muitos alimentos processados acabam fazendo mal para a saúde dos pets.

Carne é mais saudável do que ração? Saiba mais sobre a alimentação canina

Mas, agora, uma nova onda tem ganhado força: a alimentação natural para os cachorros. Muitas pessoas têm preferido preparar os alimentos dos cães em casa do que optar pela ração. Mas alguns pontos ainda geram dúvidas neste tipo de prática, especialmente as relacionadas a carne.

Muitos especialistas entendem que os cachorros podem, perfeitamente, consumir carne natural Afinal de contas, eles são descendentes diretos dos logos e cães selvagens que se alimentavam basicamente da carne das suas vítimas. Mas os cães domesticados passaram a desenvolver a habilidade de processar outros tipos de alimentos.

Carne é mais saudável do que ração? Saiba mais sobre a alimentação canina

Por outro lado, justamente essas mudanças que foram provocadas no organismo dos cachorros domésticos acabaram tornando eles menos tolerantes a consumir determinados tipos de alimentos, incluindo as carnes cruas. Muitos cães simplesmente não conseguem tolerar este tipo de alimento, especialmente se são alimentados com ração quando filhotes.

Por isso, é fundamental que as pessoas busquem informações mais detalhadas com os veterinários antes de fazer qualquer tipo de mudança mais brusca na alimentação dos cães.

Por exemplo, a carne crua acaba oferecendo uma série de desafios. Elas precisam realmente estar frescas, caso contrário podem oferecer o risco de intoxicação para os pets. Portanto, elas não podem ficar ao ar libre por muito tempo, o que acontece com as rações. Além disso, algumas carnes podem acabar tendo ossos pequenos que podem afetar a saúde dos pets.