Fofuxo.com

Como tratar cães envenenados

Dicas de primeiros socorros para cães que ingeriram alguma coisa nociva ao seu organismo.

Os cães naturalmente possuem uma natureza mais curiosa em relação a praticamente tudo que está na sua volta. Eles estão sempre sentindo o cheiro e os gostos dos mais diversos elementos que encontram pela frente. E muitas vezes os donos não acabam se dando conta de quão perigoso uma lata ou uma garrafa aberta com produtos químicos pode ser perigoso para animais de estimação.

Como tratar cães envenenados

O erro acontece principalmente quando nos referimos aos donos de primeira viagem, aqueles que estão criando cães pela primeira vez. O grande problema é que muitas vezes as pessoas simplesmente não conseguem se colocar no lugar do seu animal. Por mais que elas achem que um cachorro possa não alcançar um determinado local, é fundamental que esta informação realmente seja confirmada antes de deixar qualquer coisa que possa fazer mal ao seu pet em um local mais acessível.

Se mesmo com todas precauções o pior acontecer, confira algumas dicas do que fazer para evitar que seu pet sofra as piores consequências com a ingestão de alguma substancia tóxica.

De olho nos sinais

O primeiro passo do dono é saber se realmente ele pode estar apresentando algum sinal de que foi envenenado com alguma substância. De uma forma geral, os cachorros apresentam alguns sintomas em comum, dentre eles: a diarreia ou o vomito, alguns tremores pelo corpo, e em alguns casos convulsões quando a substancia é muito forte ou quando o animal está intoxicado há mais tempo.

O que fazer?

Como tratar cães envenenadosCaso o cão esteja em um estágio de convulsão, o melhor que o dono pode fazer é pegar o animal e levar até o veterinário mais próximo. É importante enrolar o cachorro em um cobertor. E ajuda muito o tratamento se o dono conseguir levar a embalagem, a folha ou um pouco do que pode ter causado este envenenamento ao seu cão. Para isso, dê uma investigada ao redor do local onde ele foi encontrado.

Caso o cachorro apresente algum odor muito forte no corpo e se ele for característico de algum produto conhecido, os donos também podem dar um banho caseiro no cão para eliminar a substancia. É importante que isso seja feito o quanto antes, assim a chance dele lamber o seu próprio corpo e ingerir a substancia é bem menor.

Nos casos quando o dono consegue ver quando o animal fez a ingestão do produto e caso esteja muito distante de um veterinário, os donos também podem tentar induzir ao vômito, para que a substância seja expelida. Existe uma solução caseira que pode ajudar: 1 colher de sopa de água oxigenada 3% para cada 10g de peso do cão. Dê a cada 10 minutos até que ele vomite. 

Postado em .


Pela Web

Comentários