Fofuxo.com

Saiba mais sobre a Imunoterapia para cães

Tratamento médico pode ajudar o cão no tratamento de diversos tipos de alergia.

Muitas vezes nossos amigos caninos estão o tempo todo se coçando, mas ao fazer uma consulta tradicional ao veterinário não são encontrados vestígios das causas mais comuns deste tipo de sintoma, como pulgas ou outros parasitas, ou ainda a presença de algum problema específico de pele. Em muitos casos, o problema está relacionado as alergias que um determinado cão pode desenvolver. Isso é bastante comum e realmente pode atrapalhar a vida de muitos cães e também levar preocupação para os donos.

Saiba mais sobre a Imunoterapia para cães

A grande dificuldade de se tratar as alergias de um cão é que nem todos os tratamentos mais genéricos podem funcionar. Em muitos casos, é necessário a realização de um tipo específico de tratamento para aquelas alergias que o cachorro possuí. E uma das técnica que está sendo utilizada cada vez com mais frequência pelos donos de cachorros com problemas deste gênero é chamado de Imunoterapia.

O que é Imunoterapia?

O tratamento de Imunoterapia funciona de forma muito parecida com as atuais vacinas que tanto os homens quanto os animais tomam. As vacinas tem como objetivo preparar o organismo com anticorpos que possam combater determinadas doenças. A Imunoterapia também faz este mesmo procedimento, colocando dentro do organismo do cachorro extratos de alérgenos altamente purificados. Estes extratos devem ser de componentes que o seu animal é sensível, sendo que a quantidade vai aumentando gradativamente. Estas aplicação vão conseguindo diminuir a sensibilidade que o organismo do cão apresenta em decorrência do contato com estes fatores externos.

Como funciona?

Imunoterapia feita com injeções. É importante deixar claro que a Imunoterapia está diretamente relacionado ao organismo de cada cão. O medicamento que será produzido será feito exclusivamente para um determinado animal, de acordo com as alergias que ele tenha e com a sensibilidade em relação aos fatores externos. A medicação que é produzida geralmente é feita em forma de injeções que devem ser aplicadas nos cães de tempos em tempos. Todos estes procedimentos deverão ser definidos

Como são simples injeções, os donos e os veterinários poderão chegar em um acordo em relação a forma como será administrado este medicamento. Os animais podem ser levados sempre ao veterinário para tomar a injeção, mas os donos que se sentirem seguros também poderão aplicar eles mesmo. Existem algumas recomendações relacionadas as aplicações. É sempre recomendado que o cão não faça exercícios físicos que exijam muito dele antes de tomar o medicamento e também não tenha se alimentado antes de tomar esta injeção.

Resultados

Problemas de alergias nos cães podem ser resolvidos com imunoterapia.Algumas pessoas ainda possuem medo de aplicar este tipo de medicamento e acarretar uma alergia maior ainda no cão. Os veterinários alertam que reações alérgicas na primeira injeção pode ser comum, mas a terapia realmente é muito segura. Além disso, a maioria dos animais começam a apresentar melhoras no quadro entre 3 a 5 dias a partir da primeira aplicação. Com esta resposta tão rápida, muito mais do que a maioria dos tratamentos que são feitos com a ingestão de medicamentos via oral.

Mas não esqueça que todo cão que faz não apenas este, mas qualquer outro tratamento, deve receber acompanhamento veterinário constante. 

Postado em .


Pela Web

Comentários