Fofuxo.com

Dicas para cuidar de gatos em gestação

Saiba o que acontece e como lidar com a gestação dos felinos.

As pessoas que optam por ter uma gata em casa e que não realizam nenhum procedimento de castração dos animais devem estar preparadas para uma possível gestação já por volta dos oito meses. A preparação para o acasalamento do animal já começa a partir do sete meses. Quando elas engravidam, o período total de gestação não passa dos 70 dias.

Dicas para cuidar de gatos em gestação

Sinais de gestação

Perceber que uma gata está prenha não é uma tarefa muito complicada, já que são visíveis as mudanças que acontecem no seu corpo. Elas ficam mais gordinhas logo nas primeiras semanas. Mudanças acontecem também com seus mamilos e elas geralmente ficam com um temperamento mais sereno.

Gatas engordam rapidamente quando estão grávidas.

O que saber               

Dicas para cuidar de gatos em gestaçãoNas primeiras semanas de gestação não existe qualquer necessidade de mudar nada na rotina da gata. Ela vai continuar tendo um comportamento normal, apesar de parecer um pouco mais cansada. Mas poderá continuar brincando e fazendo suas atividades normais.

Nas últimas semanas é necessário um pouco mais de atenção. É importante cuidar os lugares que a gata sobe, porque existem riscos de acidentes nesta etapa. Neste período será necessário também disponibilizar mais comida para a gata, porque ela passará a comer mais.

Neste momento ela vai começar a procurar um lugar dentro da casa ou do apartamento para dar à luz, sendo que se ela tiver acesso ao pátio ela também poderá fazer isso na rua. Geralmente o lugar escolhido será o mais reservado e tranquilo encontrado.

Os donos podem ajudar montando uma caixa de papelão mais aconchegante em um local da casa que seja mais reservado, sem grandes correntes de ar e que tenha o mínimo de entrada de luz. Pode ser colocado uma toalha no chão também para que nem a gata e nem os gatinhos tenham contato com a umidade do chão.

Geralmente os felinos se reservam no momento do parto, mas caso o dono veja que ela está com o útero abaixo do normal, leve ela para a caixa que foi preparada. O dono pode acompanhar o parto, ou pode até mesmo chamar algum veterinário para ajudar caso aconteça algum problema, mas na grande maioria das vezes elas conseguem se sair muito bem sozinhas. 

Postado em .


Pela Web

Comentários