Fofuxo.com

Como diagnosticar cães senis

Problema surge principalmente nos cachorros idosos.

Na medida que os cães vão ficando mais velhos os donos poderão perceber uma série de modificações não apenas físicas mas também comportamentais. Muitas vezes o animal vai deixar de ser tão tranquilo quanto era antes, ou então vai passar a latir para pessoas que sempre foram conhecidas do cão. E estes geralmente são os primeiros sintomas de alterações que estão acontecendo dentro do cérebro do animal.

Como diagnosticar cães senis

“Disfunção Cognitiva Canina (CCD)” ou “Síndrome da Disfunção Cognitiva (CDS)” são dois nomes utilizados para definir uma espécie de Doença de Alzheimer nos cães. Os cães que acabam sofrendo estas alterações comportamentais também podem ser definidos apenas como senis.

Muitos cães que chegam a ser considerados como idosos poderão vir a ter este problema, portanto é importante para os donos ficarem atentos aos principais sintomas com o objetivo de identificar de uma forma mais fácil quando ela começar a se manifestar.

Sintomas de senilidade em cães

Os animais começam a demonstrar completa confusão e desorientação dentro da sua casa ou do seu quintal. Ela poderá acabar ficando preso nos cantos ou atrás de algum imóvel. Também poderá acabar caindo ou tropeçando em determinados locais.

Como diagnosticar cães senis

Ao mesmo tempo que o cachorro vai perdendo o sentido de orientação, ele também vai deixando de responder a determinados comandos que para ele fazia sentido anteriormente. Por exemplo, os cães adestrados podem começar a esquecer como fazer determinados truques. Nos casos mais avançados os cães passam a desobedecer ordens simples e diretas.

Um outro sintoma muito recorrente dos animais idosos que estão passando por este processo de alteração é em relação ao sono. Os cachorros passam a trocar o dia pela noite, ficando acordados quando deveriam estar dormindo e dormindo durante o dia.

Um sintoma que costuma preocupar bastante o dono é quando o cachorro deixa de reconhecer as pessoas que fazem parte do seu círculo familiar. Em alguns casos poderá ser demonstrado apenas com uma certa indiferença, mas em outros casos o animal poderá demonstrar raiva de uma pessoa que ele não conhece.

O que fazer?

Infelizmente este tipo de problema acaba não tendo cura e nem tratamento direto. O que os veterinários podem fazer para tornar a vida dos donos e do próprio cão um pouco mais confortável é tentar tratar os problemas decorrentes da senilidade, como a ansiedade por exemplo.

Postado em .


Pela Web

Comentários