Fofuxo.com

Gato birmanês

Veja tudo sobre a raça Gato birmanês. Características físicas e emocionais, Galeria de Fotos, Ficha técnica, etc.

Quem é que não quer ter em casa um exemplar de bichinho de estimação não é verdade. O interesse é maior ainda principalmente se ele for um gato, mais ainda por parte das crianças que adoram estes felinos. Um gato delicado para quem tem crianças em casa, compreensivo, amigo, verdadeiro e traquilo, certamente é uma ótima alternativa para este tipo de família. As famílias modernas cada vez mais estão entrosadas em todas as atividades, e um gatinho da raça Burmês (ou Gato Birmanês) certamente irá fazer parte de toda esta brincadeira.

Este é um gato bastante interessante de fácil criação e que cativa a todos somente pelo seu olhar e desenvoltura. Se você visitar casas especializadas, dificilmente irá resistir e não levar para a casa um exemplar deste gatinho.

Conheça a seguir um pouco mais sobre o gato da raça Burmês e veja se ele não é ideal para a sua família.

Burmês

Origem

BurmêsAs primeiras referências citadas sobre estes gatos encontram-se manuscritos do século XIV e XV que são provenientes principalmente da antiga capital do Reino de Sião, Ayuthaya.  Em seguida podemos encontrar também suas raízes no século VI apesar de se encontrar a diferença de ser um gato da realeza ou pertencente a cortes importantes, a história deste gato possui sempre histórias voltadas à religião.

O que se acredita é que este gato existia nos mosteiros da antiga Birmânia e era tratado com um especial cuidado. Vale lembrar que os monges possuem princípios religiosos dos frades, que procuram sempre proteger todas as espécies de animais e também de plantas.

Como acontece na maioria das histórias das raças, sempre existe um portador inicial, e aí se parte com a mistura de raças para conseguir as características melhores do felino.

Existem relatos de que quem teria exportado esta raça para fora da Birmânia teria sido um médico em uma de suas viagens que levou uma gata de raça Burmês. Uma vez nos Estados Unidos teria começado suas experiências também com outras raças de gatos que no final deram como resultado o Burmês.

Esta raça de gatos contou com um grande reconhecimento somente a partir dos anos 50 para americanos como também para europeus.

Características

BurmêsComo aspectos gerais do gato Burmês podemos contar com um felino de tamanho médio, e com um peso surpreendente para seu tamanho, ficando entre 4 a 7 kg, possui uma estrutura óssea bastante substancial e uma musculatura bem desenvolvida.

Sua cabeça é de tamanho médio, arredondada. Sua face é longa, mas que vai se afilando aos poucos em um triângulo curto e obtuso.

Possui bochechas cheias, redondas e mandíbulas bastante fortes no exemplar macho. Seu focinho é largo e bem desenvolvido, porém curto.

Seu nariz possui uma ligeira quebra em sua base e seu queixo é bem desenvolvido.

Suas orelhas são médias, largas em sua base, e arredondadas na sua extremidade, espaçadas em posição de alerta e ligeiramente inclinadas para frente, seu interior é revestido por pelos curtos e também dispersos.

Seus olhos costumam ser grandes, afastados e ainda ligeiramente oblíquos. Possui uma abertura em meia lua. Orlados de cor adequada. São aceitos com todas as nuances de verde, apesar de se ter uma grande preferência por olhos de cor verde luminoso. Aceitam-se ainda gatos com características com vestígios de amarelo no caso dos gatinhos até dois anos de idade. No caso de sua pelagem vermelha, creme e tartaruga ainda é permitida a cor âmbar em seus olhos.

Seu pescoço costuma ser curto e bastante desenvolvido. Seu corpo é bastante compacto, possui um peito largo, arredondado. Com ombros e ancas de largura idêntica. Quartos posteriores mais altos do que os ombros. Sua estrutura óssea é bastante sólida além de contar com uma musculatura muito forte.

Suas patas posteriores são ligeiramente mais compridas do que as anteriores. Possui uma boa estrutura óssea além de uma musculatura robusta. Seus pés possuem um tamanho médio e são ovais.

Sua cauda é permitida de forma semilonga, de espessura média, afilando até a sua ponta que é arredondada.

Pelagem

O gato da raça Burmês possui um pelo curto, muito lustroso com um efeito vitrílico, sedoso e com sub pelos suficientes para conferir um ligeiro volume. Existem quatro variedades de cores, todas com olhos dourados ou amarelos, outras cores são permitidas como citado anteriormente, mas são mais raras. Os exemplares de coloração mais comum são o castanho, o chocolate, o lilás e também o azul.

Temperamento

BurmêsO grande caráter do Burmês o torna ideal para ser um animal de companhia, principalmente se for para crianças. Possuem uma tendência de ser gatos muito carinhosos pelo que lhes agrada no contato com outras pessoas. São bastante brincalhões e muito divertidos, costumam dar muita vitalidade e alegria ao ambiente que estão.

É considerado como um gato bastante tranquilo, muito inteligente e que apresenta uma característica bastante curiosa quanto aos seus sons. Apesar de não ser mudo é muito calado e não faz sons como é comum em outros gatos. Existem apenas raras situações onde se pode escutar o gato Burmês fazer sons.

É uma excelente alternativa para se ter em casa, pois ele se dá muito bem com cães e também crianças, você terá apenas um trabalho em escová-lo. Apesar de ser fácil será necessário o escovar várias vezes.

É um gato que adora estar nos pés do dono, e muitas vezes irá saltar em seu colo quando você menos esperar.

O gato da raça Burmês é sempre muito amigável e não muda o seu humor, curioso e com uma natureza muito especial é uma raça bastante popular. Se forem ensinados desde pequenos eles irão lhe cumprimentar quando você chegar ou pedir por carinho. Estão sempre atentos a tudo o que acontece ao seu redor. São muito carentes, e se sentirem ignorados ficam muito tristes.

Gostam muito de explorar os ambientes, tudo o que se mexe ou faz algum barulho  despertando seu interesse. Por ter um corpo musculoso e forte, o Burmês gosta muito de subir em lugares muito altos e surpreender alguém que esteja desavisado. Apesar de ser divertido quando é filhote, é importante sempre se colocar limites desde pequeno para que ele não vire um gato inconveniente.

É uma raça ideal para famílias que tem crianças e idosos, ou mesmo para quem procura por gatos mais tranquilos e menos interativos, o Burmês não é uma boa indicação.

Saúde

BurmêsPor ser um cão muito carente de atenção, o ideal é ter mais gatos ou mesmo outros animais para que possam lhe fazer companhia enquanto seu dono não estiver em casa. Não é recomendado como um felino para espaços pequenos, como apartamentos ou mesmo casas muito pequenas. Para que viva bem é muito importante que ele possa ter sempre brinquedos a sua disposição para que possa gastar a sua energia.

É importante que o gato Burmês seja alimentado com uma ração de qualidade, porém é importante que se observem alguns problemas de saúde possíveis que podem acontecer, como a obesidade. Gatos que são obesos tem uma maior propensão para serem doentes, podendo ter até mesmo dificuldades para realizar a sua higiene pessoal, por isso deverão ter cuidados com uma maior frequência.

Uma boa dica para o gato desta raça ter uma boa saúde, é a frequência de seus banhos, o banho é essencial para livrar os gatos tanto de doenças de pele como pulgas e carrapatos. Para esta raça procure dar banho de 15 em 15 dias o que é suficiente.

Alguns donos de gatos acreditam que eles não precisam tomar banho, pois tomam banho sozinhos enquanto se lambem, apesar disto é importante se observar que geralmente este banho não é o suficiente para manter o pelo do felino totalmente saudável.

Ficha Técnica do Gato birmanês

Ficha Técnica do Gato birmanês
Nome Original Burmês
País de Origem Birmânia
Porte Médio
Características Físicas Cabeça: média. Orelhas:médias.Olhos:grandes. Corpo:compacto
Peso médio Macho - 4 a 7 kg • Fêmea - 4 a 7 kg
Expectativa de Vida 15 a 18 anos
Cor da Pelagem Castanha, chocolate, lilás e azul.
Tipo da Pelagem Curta
Temperamento Brincalhão, divertido, tranquilo e inteligente.

Postado em - Atualizado .


Pela Web

Comentários