Fofuxo.com

Schnauzer

Conheça tudo sobre a raça: Ficha completa, Origem, História, Características físicas, Pelagem, etc.

Raça Schnauzer

Se olharmos para este cãozinho e julgarmos apenas pela aparência poderemos pensar que se trata de um animal com uma cara de velho, ou pelo menos antigo para utilizar um termo mais politicamente correto. Afinal de contas, aqueles pêlos acumulados na parte de baixo da boca contrastando com um rosto fino realmente dá a impressão de se tratar de um cachorro com uma certa idade.

A diferença que pode ter apenas alguns meses de vida e já ter essa cara de um velho sábio. Podemos dizer que essa com certeza é uma das características mais marcantes deste cão de origem alemã. Mas ele também conta com alguns outros pontos que acabam se destacando especialmente no seu comportamento. Trata-se de um cachorro que consegue ser, na grande maioria dos casos, um grande parceiro e amigo.

É claro que isso não pode ser considerado como uma característica apenas do Schnauzer, caso contrário o cachorro não seria chamado de melhor amigo do homem. Mas o que realmente chama a atenção é o grande apreço que ele consegue sentir por outros animais. Principalmente com os cavalos. Portanto, essa também acaba sendo uma raça muito interessante para ser criada em fazendas ou outros locais onde ele tenha um maior contato com os equinos.

Vamos conhecer um pouco melhor sobre este pequeno, com cara de sábio.

Schnauzer

História do Schnauzer

Como citado anteriormente, os cães da raça Schnauzer surgiram pela primeira vez na Alemanha. O período no qual eles acabaram aparecendo é motivo de controvérsia ainda pelos historiadores e pesquisadores, que ainda encontram dificuldades para conseguir precisar o período com mais precisão, mas a grande maioria concorda que foi na Idade Média.

Filhote de SchnauzerAssim como a grande maioria dos cães que viviam nesta época e que tinham um porte semelhante ou maior do que o Schnauzer, ele era conhecido como um caçador. Na grande maioria do tempo ele era utilizado especialmente para conseguir trazer para as pessoas algumas presas ou então manter um determinado espaço livre de animais considerados nocivos. Na grande maioria dos casos era conhecido como um cão utilizado como guarda de fazenda além de ser um caçador.

Apesar de sabermos quais eram suas atividades, muitas delas registradas em documentos da época, a origem mais precisa deste animal em termos de parentes próximos também é um mistério. Acredita-se que como ele não tenha sido uma das raças surgidas no início da era canina, ele provavelmente acabou sendo criado a partir de uma série de misturas de outras raças, como pinschers, poodles alemães e alguma variedade da raça Spitz.

Com o passar do tempo a raça foi se popularizando na Alemanha, sendo que um dos primeiros registros oficiais do seu nome apareceu em um documento datado do ano de 1842. O nome acabou sendo criado a partir de uma combinação de palavras germânicas que estavam relacionadas a nariz e barba. Durante alguns anos este cachorro também era chamado de pinscher fio de cabelo.

No início dos anos de 1900, o Schnauzer já poderia ser considerado como um cachorro popular naquela região, um animal que realmente tinha conseguido conquistar a admiração dos seus donos e também das pessoas que iam para eventos e exposições apenas para se aproximar mais da raça. E como ele acabou se tornando mais próximo do homem, uma vez que passou a se tornar muito cobiçado, começaram a ser descobertas algumas novas habilidades que acabaram marcando muito a história da raça.

Schnauzer Miniatura

Uma delas é a habilidade em conseguir acompanhar pessoas durante as viagens de longas distâncias. A raça era conhecida pela sua resistência em caminhadas e corridas, portanto gostava de acompanhar a diligência de seus donos que eram levados em carroças ou outros tipos de veículo movidos a cavalo. O Schnauzer acabou desenvolvendo uma certa simpatia pelos equinos, que dura até hoje. Enquanto acompanhava os seus donos ao lado da carroça, defendia a diligência de possíveis ataques tanto de outros animais quanto de humanos mal intencionados. Por conta disso, o Schnauzer acabou caindo nas graças também dos mercadores, que se sentiam bem mais seguros ao lado do cão.

O reconhecimento como raça padrão veio no ano de 1904, sendo que na época o cão era classificado como um Terrier.

A raça também acabou desempenhando algumas funções durante o período da Primeira Guerra Mundial, onde eram utilizados como cães de guarda, prestando serviço nos departamentos de polícia dos alemães. Eles também eram utilizados para detectar contrabandos.

Schnauzer se exercitando

Características físicas

O Schnauzer é um cachorro que pode ser classificado como de porte médio. De acordo com a sua classificação internacional atual ele foi encaixado dentro do Grupo 2, junto com Molossos, Boiadeiros Suiços, Pinschers e Schnauzers. Recentemente também começaram a surgir algumas espécies em miniatura, seguindo uma tendência global de cruzamentos com o objetivo de tornar algumas raças mais próprias para companhia, convivendo dentro de espaços menores, como apartamentos.

Mas existem basicamente três tipos de Schnauzer em relação ao seu tamanho:

  • Gigante: mede aproximadamente 70 centímetros
  • Standard: tem medida aproximada de 50 centímetros
  • Miniatura: mede entre 30 e 35 centímetros

Ele conta com algumas formas mais quadradas em determinadas partes do rosto, especialmente o rosto. Ele costuma ter o corpo proporcional ao tamanho das patadas, sendo elas ligeiramente mais compridas do que a proporção do tronco. Possui pastas grandes e redondas, geralmente com a presença de bastante pêlo. Os machos costumam ser um pouco mais curtos do que a fêmea.

Filhotinho de Schnauzer

Pelagem

Mas a sua característica física mais marcante, sem dúvida, são os pêlos acumulados na parte de baixo do rosto, no queixo, que forma uma espécie de barba. Em alguns exemplares esta barba pode apresentar uma cor diferente do resto dos pelos, geralmente mais clara. Mas em outros a barba pode ser da mesma cor.  Esta parte do seu rosto faz com que ele tenha uma cara com aparência mais velha e sábia, mas seu olhar também é marcante e passa um ar de simpatia, especialmente por causa das sobrancelhas que também costumam ser bastante volumosas.

O resto do corpo do Schnauzer também é pêlo, com fios mais espessos e que pode parecer que está sempre um pouco sujo, mas é apenas uma característica do mesmo. Os pêlos do resto do corpo costumam ser mais curtos do que os pêlos do rosto e também do topo da cabeça. Já em relação as cores geralmente elas ficam em torno do cinza e alguns dos seus tons.

Tipo de Tosa na raça Schnauzer

Com o corpo repleto de pêlos, os donos devem ter um pouco de atenção. Não será necessário fazer com que o animal passe pelo procedimento de escova muito frequentemente, mas é extremamente recomendado que ele seja escovado algumas vezes durante o mês para que não aconteça nenhum tipo de nó. Além disso, no caso dos que possuem pelagem mais clara, é preciso comprar alguns produtos específicos para manter o pêlo sem aquelas manchas que aparecem ao longo da vida.

Confira um vídeo ensinando mais sobre a tosa desta raça:

Temperamento

O Schnauzer possui diversas qualidades em relação ao seu temperamento e ao seu comportamento. São tantas que fica até um tanto quanto difícil elencar quais delas seriam as principais. Mas o fato do cão ser um grande companheiro acaba tornando as outras características mais visíveis e marcantes para os humanos. Ele está sempre ao lado do seu dono e não possui nenhum problema em lidar com famílias mais numerosas.

O cachorro é muito divertido, especialmente quando filhote. Nunca perde o gosto pelas brincadeiras, e por isso acaba se dando muito bem com as crianças. E como ele também consegue ser resistente, apesar de não ser um cachorro de grande porte, aguenta até mesmo as brincadeiras mais fortes com as crianças menores.

Outro traço marcante da personalidade desta raça que conseguiu continuidade ao longo dos anos é a coragem. Nos dias de hoje podemos perceber que se trata de um cão que sempre vai querer investigar quando acontece algum barulho diferente, e vai sempre ficar alerta enquanto achar que existe alguma coisa de errado na sua volta. E não é raro os cães desta raça serem flagrados partindo para cima de algo que ache que seja um perigo para a sua família, mesmo que seja algo bem maior do que ele.

Schnauzer Gigante

É um cão também bastante inteligente, por isso consegue ser adestrado com uma certa facilidade. Costuma obedecer aos comandos e não apresenta comportamento teimoso, o que torna as coisas mais fáceis até mesmo para quem não tem experiência com animais mas que deseja mesmo assim tentar treinar o seu pet.

Com pessoas estranhas que chegam no seu espaço o cão costuma ser um tanto quanto indiferente. Caso ele não seja sociabilizado devidamente pode até mesmo ter um comportamento agressivo com pessoas que ele não conhece. Por isso realmente é importante aproveitar a inteligência do animal para conseguir corrigir estes pequenos desvios de comportamento.

O Schnauzer também costuma se dar muito bem com outros animais, e isso inclui uma grande variedade que vai de gatos até cavalos. Portanto, com certeza será um cão que não vai arranjar problemas com os seus colegas, mesmo que eles cheguem depois. Apesar disso ele costuma ser um pouco interesseiro, e portanto pode tentar chamar a atenção de todas as formas possíveis para conseguir algo que ele queira, inclusive arranhar problemas com outros animais. Mas isso geralmente acontece também quando não passa pelo processo de sociabilização.

Habilidades

Além de inteligente, o Schnauzer também costuma ser um cachorro vigoroso. Não chega a ser um animal que necessariamente vai precisar de uma grande quantidade de atividade física durante o dia para conseguir se manter saudável, mas ele gosta de uma boa caminhada e de uma corrida de vez em quando.

Como é um cachorro que costuma ser muito vigilante, ele é atento e sabe usar isso ao seu favor em relação a cuidar do seu espaço e do espaço da sua família. Por isso é um cachorro muito interessante para manter em casas, por exemplo, já que ele sempre vai avisar quando alguma coisa estiver acontecendo de errado.

Saúde

Dupla de Schnauzers - Raça muito companheiraO Schnauzer não costuma ser um cachorro que apresenta muitos problemas em relação a sua saúde. No caso dos pêlos, é importante manter uma rotina de escovação, mas que pode ser de no máximo 4 vezes ao mês, sendo que pode aumentar um pouco nos períodos onde ele costuma perder mais pêlos. Este processo vai evitar que se acumule uma grande quantidade de sujeira, que por sua vez poderá causar dermatites e outros problemas de pele.

Os olhos e ouvidos do Schnauzer também merecem um pouco mais de atenção para os seus donos. É importante fazer uma higiene correta destas partes, utilizando cotonetes e outros acessórios, especialmente durante o banho. Mas nunca remova completamente a cera do ouvido do cão, pois isso também pode ocasionar uma série de problemas mais graves.

Esta raça dificilmente apresente algum problema em relação ao peso, portanto ele só ai engordar realmente quando ele estiver comendo muito mais do que deveria. Portanto os cães adultos desta raça podem ser alimentados com ração específica para a sua idade sem o menor problema.

Dentre algumas doenças que costumam ser diagnosticadas com um pouco mais de frequência nesta raça tempos o hipotireoidismo e o Comedo do Schnauzer (lesões que parecem com cravos e espinhas e que aparecem em determinadas partes do corpo do animal). Acredita-se que esta segunda doença seja de origem genética, mas já existem alguns tratamentos específicos para a derme que ajudam.

Ficha Técnica do Schnauzer

Ficha Técnica do Schnauzer
Nome Original Schnauzer
País de Origem Alemanha
Porte Pequeno / Médio
Utilização Guarda e Companhia
Cuidados Especiais Banho e Tosa regularmente
Características Físicas Cabeça forte e alongada; focinhocuneiforme, com a terminação moderadamente truncada; olhos escuros, frontais e ovais; orelhas inserção alta, em forma de V, portadas dobradas; quando cortadas são portadas eretas.
Altura média Macho - (miniatura) 30 a 35 cm • Fêmea - (miniatura) 30 a 35 cm
Peso médio Macho - 13 a 22 kg • Fêmea - 13 a 21 kg
Expectativa de Vida 12 a 15 anos
Cor da Pelagem Sal pimenta (sua tonalidade vai do cinza- claro até o cinza chumbo); preto e prata; preto e o branco
Tipo da Pelagem Espessos, duros e fortes
Temperamento Inteligente, Gracioso e Cheio de Vida

Postado em .


Pela Web

Comentários