Fofuxo.com

Maltês

O Maltês (ou Bichon Maltês) é um lindo cãozinho de companhia. Veja tudo sobre a raça: características, fotos, pelagem, saúde, dicas, ficha técnica...

Este certamente é um cãozinho bastante recomendado principalmente para quem tem crianças em casa. É um dos mais pequenos de todas as raças, além de serem interessantes e também lúdicos para brincar. O Maltês (Bichon Maltês) certamente é uma boa pedida para se ter em casa, principalmente para quem vive em apartamentos e fica bastante tempo na residência, para fazer companhia. Costuma ter uma boa convivência com as pessoas e também outros animais.

Em termos de saúde, o cãozinho conta com toda a fragilidade que um Toy possui. Além de ser bastante comum atitudes como, por exemplo, a ansiedade da separação, o ato destruir coisas e ladrar, principalmente quando ficam sozinhos por muito tempo. São bastante desconfiados e receosos quando não são socializados o suficiente, sendo que neste caso latem ainda mais casos.

Bichon Maltês

Origem

Bichon MaltêsO cãozinho é proveniente da Ilha de Malta. Existem registros que apontam que o animal tenha sido introduzido na ilha por mercadores fenícios em torno do ano de 500 antes de Cristo. Apesar disto Charles Darwin teve uma avaliação muito mais longe da antiguidade desta raça, afirmando que ele existe desde o ano de 6000 antes de cristo.

Na região de Malta, o Bichon Maltês era venerado pela população local, onde a população inclusive construía túmulos para os seus fiéis companheiros da vida toda. Para se ter uma ideia, Publius, que era governador de Malta, teve um Bichon Maltês que era chamado de Issa para quem até mesmo encomendou um poema e um retrato sobre o animalzinho. Apesar disto também é possível encontrar citações do animal no Egito, Grécia e ainda Roma. Estes registros mostram que o cão realmente era muito importante na época.

A localização da Ilha de Malta ainda revela que este cão provavelmente veio de outros locais que faziam negócios por este caminho. A região, que fica localizada no centro do Mediterrâneo, era um local comercial muito importante, onde o Maltês acabou sendo incluído, provavelmente por mercadores fenícios. E devido ao isolamento da ilha dos continentes, a raça pode se desenvolver com pouca influência dos cães que existiam em outros lugares.

Existem algumas teorias diferenciadas sobre o aparecimento do Bichon Maltês, uma delas defende que a raça é descendente do Terrier Tibetano, que viajou do oriente até a Europa com as tribos nômades e ainda mais tarde a destreza comercial dos fenícios veio a criar com entusiasmo as raças. Outra teoria é que o Bichon Maltês é um descendente direto de raças de cães do tipo Spitz, no norte da Europa. E através do comércio ele teria viajado até o Sul da Europa e introduzido mais uma vez na ilha de Malta pelos Fenícios.

A raça sofreu algumas alterações físicas e comportamentais ao longo do tempo. A sua estética veio a ser apurada em detrimento ao seu lado funcional. As suas várias cores existentes foram reduzidas apenas para o branco e também seu pelo aos poucos foi se tornando mais longo. O Bichon Maltês é considerado um cão de companhia, o que apesar de seu tamanho, se tornou muito popular como cão de colo de elite das sociedades mais ricas.

Características físicas

Bichon MaltêsO Bichon Maltês é considerado um cão de pequeno porte e conta com uma pelagem longa e branca.  A maioria das partes do corpo acabam sendo proporcionais, não tendo grandes diferenças de tamanho, apesar de aprresentarum corpo comprido em relação a sua altura. A sua cabeça é proporcional ao corpo, o focinho é de tamanho médio e o seu stop é bem definido. Seus olhos são grandes, escuros e também ovais, o nariz é sempre preto e fica em contraste com o branco da pelagem. As suas orelhas costumam ser pendentes e totalmente revestidas de pelos longuíssimos. Conta com longos bigodes e também uma franja característica. Seus membros são completamente tapados pela pelagem, o que não deverá impedir a movimentação do cão. Sua cauda também é guarnecida de uma vasta pelagem.

Pelagem

O pelo costuma ser bastante denso, macio e lustroso. O Maltês é branco, puro, mas conta com uma tonalidade marfim claro, que também é permitida. Zonas que são manchadas de laranja são bastante toleradas, mas se constituem de imperfeições.

Temperamento

Bichon MaltêsO Maltês conta com uma excelente característica de se adaptar com o dia a dia de seu dono. Se a pessoa for bastante afetivo e ativo ele também será, porém se ele for calmo o Maltês costuma apresentar um comportamento que seja bastante tranquilo. Isso torna Maltês um cão de companhia por excelência.

É um animal que costuma ser muito gentil, e por este motivo pode ficar bastante tempo se divertindo e brincando com as crianças. Apesar disto, pelo seu tamanho, as crianças devem ser supervisionadas para que não o machuquem. Ele costuma ficar bastante magoado quando isso acontece.

O Maltês é bastante vivo e ativo, também conta com uma garganta afiada, se você não quiser um cão que grite ou mesmo faça barulho, procure por outra raça, pois esta não é a indicada. Apesar disto ele é um bom cão de alarme. Bastante dedicado a sua família, gosta bastante de atenção e adora ser afagado pelas pessoas.

Como costuma ser um cão bastante sociável, se dá bem com outros cães, desde que viva eventualmente com eles. É um cão bastante corajoso e provocador, costumando atiçar cães de tamanhos maiores, por isso é preciso ter cuidados.

Vive bem em apartamentos e não precisa de um pátio, desde que ele seja suficientemente exercitado. Utilizar de passeios diários e ainda boas doses de brincadeiras poderão deixar este cão muito em forma.

Não é complicado o treinar, já que são muito inteligentes. Apesar disto, devido a sua personalidade um tanto teimosa, o dono deverá ter paciência. O Maltês poderá ainda se revelar um pouco seletivo com a sua comida, porém os donos não deverão ceder a isto. Aquecer a ração seca e juntar com um pouco de azeite faz milagre com os cães que ficarem em greve de fome.

Habilidades

Bichon MaltêsComo já foi citado anteriormente, o Maltês é uma raça muito inteligente e pode ser muitas vezes difícil de treiná-lo em casa já que ele é considerado um cão um pouco teimoso. Seu amadurecimento é bastante lento, e normalmente os machos costumam ser mais fáceis de treinar do que as fêmeas, que em alguns casos são mais temperamentais.

Ele poderá testar os limites do treinador, portanto é importante que a pessoa seja bastante persistente. A raça pode, tranquilamente, ser capaz de satisfazer as suas necessidades de exercícios, sempre procurando se adaptar as atividades em família.

Não é uma raça que tem um estilo de vida sedentário. Deverá passear diariamente e também devem ser promovidas brincadeiras frequentemente com o animal.

Saúde

Bichon MaltêsEste é um cão saudável, seus olhos, porém são a sua zona mais vulnerável quanto á doenças. Existem também incidências de cães surdos na população desta espécie de maltês.

Seu pelo comprido exige uma escovação diária para evitar que ele fique empolado. Seu pelo branco exige muitos cuidados extras para que não manchem, os olhos deverão ser frequentemente limpos e a barba deverá ser limpa depois de cada uma das refeições.

É um cão que necessita de banhos mais frequentes do que outros tipos de cães, já que seu pelo comprido se arrasta ao chão e se suja com muito mias facilidade. Normalmente os donos optam por cortar os pelos, para tornar o animalzinho mais prático. Quando é deixado longo, os donos devem prender a franja com um elástico para impedir que caia sobre seus olhos. A grande vantagem é que o cão não larga pelos. Sendo assim excelente para quem conta com móveis suscetíveis a pelos, tapetes, entre outros, além de serem também recomendados para pessoas com alergias.

Por festejarem com cada um dos moradores da casa, fazem questão de estar sempre próximos das pessoas, apesar disto sempre elegem um como dono principal e precisam ser treinados, pois podem ficar bastante afoitos e nervosos quando o assunto é um volume muito grande de pessoas em casa o que pode gerar estresse.



Comentários

Veja mais em Raças de Cachorros