Fofuxo.com

Dobermann

Cão de guarda imponente. Confira tudo sobre a raça: características, pelagem, temperamento, fotos e ficha técnica completa.

O Dobermann certamente é um dos cães mais interessantes para criadores, pois conta com características bastante peculiares, como por exemplo uma postura bastante imponente, contando com uma andadura elástica e bastante leve. Está sempre proposto a vigiar terrenos extensos, quando necessário poderão tanto defender este território como atacar os invasores.

O cão apresenta qualidades físicas e emocionais também peculiares, mas de um modo geral costuma ser atento, obediente e também bastante fiel. É uma das raças mais fáceis de adestrar devido a sua grande inteligência, sua aptidão natural para a guarda e um excelente olfato. Sua obediência cega e a capacidade de realizar trabalhos é algo impressionante que vem de seus ancestrais.

Dobermann

Esta é uma das raças que possui uma constituição bastante robusta além de muito resistente, suportando bem todas as intempéries e em qualquer circunstância está disposto até mesmo a sacrificar a sua própria vida para proteger o seu dono.

O Dobermann possui uma estrutura corpórea média, mas com uma musculatura bastante desenvolvida. Seus olhos contam com uma forma ovalada e tamanho médio de coloração castanha o que é o mais escuro possível.

Seu dorso é curto e forte e suas cores mais comuns são o preto, castanho escuros ou o azul, com manchas discretas vermelho ferrugem.

Sua altura é de 68 centímetros para os machos e as fêmeas são um pouco menores atingindo no máximo 67 centímetros. Conheça a seguir um pouco mais sobre esta raça que certamente é uma das mais queridas pelos criadores de cães.

Origem

DobermannA História do Dobermann foi documentada a partir do ano de 1834, quando nasceu um homem que se chamava Frederic Louis Dobermann. Ele foi policial, administrador regional e coletor de impostos. Como coletor de impostos ele tinha que viajar muito, e andar com uma grande quantidade de dinheiro, o que poderia se tornar alvos fáceis de bandidos.

Com esta ocupação, Dobermann decidiu que tinha de ter um cão para que lhe acompanhasse em sua viagem, mas não deveria ser um cão qualquer. Queria um bom cão de guarda, que tivesse uma boca forte, um bom olfato, além de um grande instinto protetor para que pudesse o defender de possíveis ataques. A partir deste momento começou a se dedicar ao trabalho de criar cães, com o objetivo de encontrar uma raça que conseguisse se tornar útil para a tarefa necessária, a de cão de guarda.

Dobermann não tinha um programa específico de criação e não teria guardado a anotação de cruzamentos que teria realizado. Nesta época, com exceção da Inglaterra não havia raças puras na Europa o que deixa mais difícil a precisão da origem do Dobermann (o cão). O que podemos citar é que havia quase todos os tipos de cães, dentre eles os açougueiros, pastoreios, caçadores, e mestiços. E a tentativa da produção de cães com rabo que fosse naturalmente curta feita por criação seletiva teria falhado.

Suas qualidades físicas o colocaram em pouco tempo em primeira linha, já que ele não conhece o medo e na hora do perigo usa seu corpo musculoso para intimidar os “invasores” de seu território ou para defender seus donos.

Características físicas

O Dobermann certamente é uma das raças de cães mais aptas para a defesa e a guarda. Com todas as suas qualidades físicas e comportamentais, colocaram o cão em pouco tempo na primeira linha em termos de defesa. As pessoas que não conheciam muito a raça sempre acabavam olhando com desconfiança, enquanto que o cão mostrava sinais de grande conexão com o seu dono, ficando sempre próximo da pessoa mas de uma forma que conseguisse ver o que está acontecendo.

Costuma não dormir enquanto todos estiverem acordados, e até mesmo muitas vezes durante á noite é e encontrado acordado em patrulha. Costuma atacar de forma corajosa seus adversários. Por este e outros motivos o Dobermann é um cão excelente para seguir pistas, um bom cão policial e uma raça muito recomendada para guardar propriedades.

Dorbemann

São cães musculosos e muito fortes, por isso precisam se exercitar diariamente, principalmente em atividades de corrida, quando são muito velozes e em alguns casos podem atingir até mesmo 60 km/h. Os cães da raça são muito atentos, sendo assim sempre uma excelente alternativa para a guarda de casas e também empresas.

É um cão de temperamento firme, ás vezes forte, porém estável. Ele não costuma ser traiçoeiro, e quando são adestrados corretamente são muito obedientes.

O Dobermann é considerado como uma das raças de cães mais inteligentes existentes atualmente. Costuma ser muito ágil e rápido em suas ações, arquitetar e calcular possíveis ataques é algo comum para ele. Chegam até mesmo a fazer isso com seus dono, mas com intuito de apenas brincar e treinar suas habilidades. É importante que os estranhos respeitem o espaço do cão já que o Dobermann é um cachorro que possui uma mordida muito forte e dolorida.

Pelagem

A pelagem do Dobermann costuma ser lisa e também muito brilhante. A sua cor poderá ser negra ou marrom com pintas cor de fogo. Se bem cuidado terá um pelo muito brilhante, por isso é importante uma alimentação correta o que o tornará muito bonito e saudável. É um cão extremamente elegante, forte e agressivo, devido a coloração de sua pelagem é utilizado muitas vezes em ensaios fotográficos por ter um pelo bonito e vistoso.

O Dobermann não é um cão difícil de lidar quanto a sua higiene, devendo ser banhado de 15 em 15 dias para não prejudicar o óleo natural que possui nos pelos, não é um cão de odor forte, apesar disto exige uma escovação semanal em seu pelo.

Temperamento

DobermannPelo fato de o Dobermann ser um cão policial ideal para proteger residências de moradores que viajam bastante ele possui características de temperamento diferentes de outras raças, como por exemplo, fôlego para passar horas a fio correndo de um lado para o outro no jardim, procurando proteger todos os pontos da casa. Outra característica interessante de seu temperamento que colabora com a sua defesa pelo lar é a sua flexibilidade e velocidade, o que o auxilia muito em perseguições e pulos espetaculares.

Quando seu dono está em casa ele gosta de estar sempre junto da família e a proteger quando necessário, sabe reconhecer a todos e na maioria das vezes é capaz até mesmo de se sacrificar para proteger seus donos.

Nesta raça o sentimento de medo não existe, e sempre que ele se sentir ameaçado ataca.O cachorro pode se mostrar um tanto quando desconfiado, sendo que neste caso vai ficar um pouco mais complicado levar pessoas desconhecidas para o mesmo ambiente que ele. E necessário um bom treinamento para que ele tenha autocontrole e não ataque as visitas e nem os parentes que não são da convivência direta com o animal. 

Depois de nascido o Dobermann filhote demora pouco mais de dois meses para dar sinais de seu temperamento, caso o criador busque um cão de guarda eficiente deverá ficar observando os movimentos do cãozinho, se ele busca uma bolinha arremessada, obedece a comandos ou demonstra curiosidade ao escutar sons diferenciados.

Habilidades

O Dobermann é um cão muito ágil e resistente, um cão policial ideal para ser treinado para proteção de casas e propriedades, principalmente de pessoas que viajam muito. Isto acontece, pois diferente de outras raças, o cão possui um fôlego para passar horas a fio correndo de um lado para o outro do jardim, sempre observando cada um dos detalhes da casa. A sua flexibilidade e velocidade auxilia na sua agilidade, por isso é um cão que inspira na maioria das vezes cuidados e treinamentos, pois podem ser bastante temperamentais.

Um treinamento básico é muito importante, pois ele defende seus familiares com unhas e dentes, e caso você receba visitas e ele se sentir ameaçado certamente irá a atacar, por isso procure o habituar com outras pessoas ou caso isto aconteça manter o cão preso também seria interessante.

Saúde

DobermannAlém de ser muito importante se escolher um filhote que tenha uma boa estatura, é interessante se comprar um cão que seja saudável. Entre todas as doenças hereditárias mais comuns do Dobermann estão à chamada Cardiomiopatia, que nada mais é do que a alteração do funcionamento do coração com uma dilatação, oferecendo problemas de circulação sanguínea.

É possível se encontrar exemplares que tenham a chamada Síndrome de Wobbler o que é assim chamada à má formação nas vértebras cervicais, o Hipotireoidismo, que é bastante comum nas fêmeas além da doença de Von Willebrand o que é a dificuldade de se realizar a coagulação sanguínea.

Geneticamente falando todas as famílias dos Dobermanns possuem a cardiomiopatia em seu sangue, em maior ou também menor grau. Normalmente este tipo de doença aparece de forma súbita e leva o cão imediatamente á morte. Já a síndrome de Wobbler aparece com mais frequência em cães que possuam uma idade entre três e seis anos.

O cão começa a andar cambaleando podendo em casos mais graves ficar até mesmo paralisado. Irritações oculares também são muito comuns na raça, onde mais de 80% dos cães sofrem deste mal, e inclusive existem diversas evidências de que isto acontece devido ao formato dos olhos dos Dobermanns. O cão costuma ter uma vida de média a longa ficando entre 12 a 18 anos dependendo dos cuidados e de uma alimentação correta ele viverá bem e por muito tempo.

Ficha Técnica do Dobermann

Ficha Técnica do Dobermann
Nome Original Dobermann
País de Origem Alemanha
Porte Médio
Utilização Guarda
Cuidados Especiais Precisam se exercitar diariamente, principalmente em atividades de corrida.
Características Físicas Cabeça: parece um cone truncado alongado.Olhos: tamanho médio, ovais e escuros. Orelhas: alta, geralmente cortadas. Corpo: musculatura desenvolvida.
Altura média Macho - 68 cm • Fêmea - 67 cm
Peso médio Macho - 29 a 40 kg • Fêmea - 29 a 40 kg
Expectativa de Vida 12 a 18 anos
Cor da Pelagem Preta, castanho escuro ou azul
Tipo da Pelagem Lisa e brilhante
Temperamento Inteligente, ágil, desconfiado

Postado em - Atualizado .


Pela Web

Comentários