Fofuxo.com

Dálmata

Uma raça que ficou popularmente conhecida depois do filme 101 Dálmatas. Veja sua origem, características, fotos, ficha técnica, etc.

Toda a simpatia e vivacidade, aliada a linhas harmoniosas e ainda uma típica pelagem manchada, fazem com que o Dálmata seja um cão apreciado por muitas pessoas no mundo inteiro. Atualmente ele é considerado um cão de companhia, que se destaca dos demais principalmente por sua inteligência e toda a sua fidelidade com o dono.

É conhecido como um excelente cão de guarda, apesar de ser quieto e somente late quando é necessário ou está acontecendo algo de muito errado. Costuma ser um cão muito ativo, musculoso e brincalhão.

Dalmata

Seus olhos são redondos, brilhantes de grande expressão, são levemente separados entre si, mostrando somente no seu olhar sua esperteza. Suas orelhas são de implantação um pouco alta e de tamanho moderado. A sua cauda não costuma ser muito longa, sua raiz é forte e vai afinando gradativamente até a ponta.

É possível encontrar exemplares da raça machos com tamanhos entre 55 e 60 cm. As fêmeas da raça costumam ser levemente menores. O peso médio do cão para machos é de 25kg e para fêmeas pesam em torno de 22,5kg.

A seguir conheça todas as peculiaridades de um dos cães mais queridos do mundo, que cativa a todos apenas com seu olhar, o Dálmata.

Origem

O Dálmata com suas manchas únicas, é considerado o cão de raça mais diferente e que mais se ressalta entre todos os outros cães, apesar disto a sua origem é desconhecida. Existem porém, diversas evidências artísticas indicarem uma origem bastante antiga, não se sabe realmente qual a época e o local de surgimento de sua raça.

Seu nome vem de Dalmatia, que é uma região que fica a oeste da Iugoslávia, porém é provável que ele não tenha se originado naquela região. Entre seus vários ancestrais podem ser encontrados algumas versões do chamado Great Dane manchado ou mesmo os pointers, o que também é apenas especulação. Até mesmo a função original de sua raça é algo desconhecido pelos criadores.

Dalmata

O Dálmata já foi utilizado para diversas funções e nunca ficou ao menos sem emprego. Essas funções incluíram cachorros de briga, pastores, cão de tração, caçador de ratos e mesmo cão de circo.

Apesar de todas estas peculiaridades foi como cão de carruagem na Inglaterra que encontrou o seu lugar. Os cães de carruagem eram utilizados como uma solução estética e prática. Ele protegia os cavalos dos ataques dos cães e ainda dava um toque de bastante estilo ao processo. Normalmente estes cães seguiam ao lado ou mesmo na frente em alguns casos atrás da carruagem, o que era a posição considerada mais elegante. O que é mais interessante sobre o Dálmata é que algumas evidências, indicam que a posição que o cão ficaria em torno das carruagens seria algo hereditário que afeta a postura do cão até hoje.

Aos poucos com a chegada do automóvel, o Dálmata perdeu seu lugar na sociedade e ainda a sua popularidade propriamente dita teria caído muito. Ele continuou aos poucos como cão de carruagem em carros de bombeiros que eram puxados por cavalos, o que teria levado a adoção do moderno chamado cão dos bombeiros. Com isto a sua brilhante colaboração pode garantir sempre que ele fosse visto como um cão de estimação e um animal de exposição muito popular. Apesar disto seu aparecimento em vários filmes infantis o tornou uma das raças mais queridas das Américas nos anos seguintes destes filmes.

Características

DalmataUma das características físicas mais marcantes e importante dos Dálmatas é a sua cor. Eles costumam sempre ser brancos com manchas pretas e também castanhas. Outra particularidade interessante é que as manchas de sua cabeça, cauda e também orelha são menores do que as apresentadas em seu corpo, além disto possuem um peito fundo.

Houve uma época onde o Dálmata era utilizado como cão de caça, por isso ele possui um instinto para caçar pequenos animais e conta com um impressionante olfato, que mostra características de um cão farejador. Um excelente cão de guarda, apesar de ser um tanto quieto, como foi dito anteriormente.

Outra característica interessante de ser citada é que os Dálmatas possuem uma cor peculiar. Sempre são brancos e possuem manchas pretas ou mesmo castanhas, sendo cães muito inteligentes e mostrando através de gestos o que querem fazer naquele momento.

Pelagem

DalmataOs Dálmatas devem contar com pelos curtos, duros, lisos e também brilhantes, não basta apenas o animal contar com várias pintas, é preciso que elas sejam perfeitas para destacar a elegância do cão.

De acordo com a Federação Cinológica Internacional (FCI), órgão de regulamentação de cães de raça, as suas pintas deverão ter um formato arredondado, bastante definidas, com uma coloração preto ou fígado. Além de marrom escuro, que é conhecida vulgarmente como chocolate, sobre um branco puro, devendo ser menor nas extremidades, bem como na cabeça, membros e também cauda. Deverá ter os chamados cachos de uva, que nada mais são do que aglomerados de pintas e ainda os patchs que são indesejáveis para os criadores.

Os cães que tiverem pelagem preta poderão ser chamados de homozigotos, ou heterozigotos. Cães que contarem com uma pelagem de cor fígado são recessivos. Desta forma um filhote fígado poderá ser filho de outro fígado com preto ou mesmo de dois cães pretos heterozigotos.

Apesar disto é possível em todas as raças recessivas é possível se observar ocasionalmente cores diferenciadas.

Temperamento

Este é um cão geralmente muito alegre, sempre pronto para brincar e para longas caminhadas. O grande problema é que na maioria das vezes eles são comprados por impulso, pelo motivo de sua grande popularidade e um aspecto único, os donos precisam se informar sobre o tipo de cão que tem interesse em comprar.

O Dálmata é um cão que conta com grandes necessidades de exercícios e muitas vezes costuma desenvolver distúrbios de comportamento quando ele não é exercitado de forma correta. Este treino deverá ser firme e consistente, sempre procurando apostar em um reforço positivo e deve ser feito diariamente.

Quando um cão da raça Dálmata é maltratado, ele guarda estas memórias, e não ultrapassa estes problemas até o fim de sua vida.

São muito inteligentes e muito teimosos. Apesar de contarem com um temperamento bastante dócil, eles poderão apresentar comportamentos bastante desajeitados com as crianças menores, devido a gostarem e terem interesse em realizar brincadeiras energéticas e exuberantes. Mesmo sendo um cão considerado receptivo a outros cães e outros animais poderá ter ás vezes atritos principalmente no caso de dois machos se cruzarem.

Habilidades

DalmataO Dálmata possui diversas habilidades, e uma delas é utilizar a sua perfeita memória, pois aprende muito rápido quem são os membros da família, e é um excelente protetor para as crianças. Muitas vezes por ser um cão de guarda poderá considerar pessoas estranhas invasores indesejados e por isso deixar ele sozinho no seu carro com os vidros abertos não é uma boa opção.

É um cão que pode ser treinado apesar de ser um tanto teimoso, acima de tudo é um cão utilizado para companhia. Seu heroísmo e a sua fidelidade, bem como a constante presença ao lado do dono, mostram toda a sua coragem, docilidade, e inteligência. Fazendo com que ele seja um dos cães merecedores dos mais profundos sentimentos de gratidão e afeto por parte de seu dono. Muitas coisas podem ser feitas com seu Dálmata. Isto é uma questão de apenas se tentar selecionar e insistir, bem como pesquisar e perseverar com toda a sua fidelidade ao cão. Já que certamente podemos contar com a sua inteligência e sensibilidade.

Saúde

DalmataO Dálmata acima de tudo precisa de muita atenção e exercícios.

Ele precisa de mais do que apenas um passeio de coleira, e poderá ser um bom companheiro de corrida. As suas necessidades poderão ser atendidas tranquilamente com atividades intensas e corridas.

Apesar destas particularidades ele precisa de um bom abrigo, cama macia e mais do que tudo um companheirismo. É um cão sensível, e o ideal é o deixar viver em casa e brincar no quintal. Seu pelo requer cuidados mínimos, como por exemplo, a escovação frequente que ajuda a remover os pelos que estão mortos.

O Dálmata é um cão limpo, que conta com um odor que não é muito intenso, de forma que o chamado cheiro de cão acontece de forma imperceptível. Para que a oleosidade do seu pelo não acabe sendo prejudicada, este cão deverá tomar banho apenas quando for necessário.

Todo o cão que apresentar qualquer tipo de anomalia física ou mesmo comportamental deverá ser desclassificado.

Entre 20 a 30% dos Dálmatas acabam com o tempo ficando surdos de forma bilateral, já os Dálmatas que tiverem olhos azuis deverão ser impróprios para a criação bem como cães surdos de um só ouvido.

Cães que contarem com poucas manchas ao redor de seus olhos, ou qualquer outra parte devem ser aceitos para criação, caso ele tenha uma boa pigmentação na bolsa escrotal deverá ser preferido para criação.

É interessante não exigir que os Dálmatas pequenos pratiquem exercícios como subir e descer escadas, nem mesmo saltar ou permanecer em superfícies que sejam escorregadias, já que contam com uma estrutura corpórea sensível.

Ficha Técnica do Dálmata

Ficha Técnica do Dálmata
Nome Original Dálmata
País de Origem Croácia
Porte Médio/Grande
Utilização Guarda e Companhia
Cuidados Especiais Necessidta de atividades intensas e corridas.
Características Físicas Olhos: redondos, brilhantes de grande expressão. Orelhas: um pouco alta e de tamanho moderado. Corpo: musculoso.
Altura média Macho - 55 a 60 cm • Fêmea - 50 a 55 cm
Peso médio Macho - 25 kg • Fêmea - 22,5 kg
Expectativa de Vida 12 a 14 anos
Cor da Pelagem Branca com manchas pretas ouu castanhas
Tipo da Pelagem Curta,, lisa, dura e brilhante.
Temperamento Inteligente, fiel, ativo, alegre

Postado em - Atualizado .


Pela Web

Comentários