Fofuxo.com

Novos estudo indicam que gatos reconhecem a voz do dono

Pesquisas também demonstram que apesar de reconhecer as vozes das pessoas que fazem parte do seu convívio, eles acabam não dando muita bola para isso.

Agora a notícia sobre uma nova pesquisa envolvendo gatos chega da terra do sol nascente. Dois pesquisadores japoneses resolveram tentar entender como se dá o processo de comunicação entre os donos e seus gatos, mais precisamente em relação ao reconhecimento da voz das pessoas que fazem parte do convívio dos animais.

Novos estudo indicam que gatos reconhecem a voz do dono

O resultado não deixou de ser um pouco surpreendente para os pesquisadores. De acordo com os relatórios, os bichanos realmente conseguem reconhecer a voz dos seus donos. Ou seja, eles sabem quando estão sendo chamados por alguém que esteja acostumado no dia a dia. Mas a pesquisa também mostrou que na maioria dos casos eles acabam não dando a mínima para isso.

Testando os felinos

Para testar a percepção dos felinos em relação aos chamados dos seus donos, os pesquisadores acabaram fazendo os seguintes testes: As vozes com os chamados dos donos acabaram sendo gravadas em um equipamento. Os donos chamavam os gatos tanto pelos seus nomes quanto pelos apelidos que também surgem no dia a dia.

Depois disso os pesquisadores colocaram três outras pessoas do mesmo sexo gravando exatamente o mesmo chamado, com as mesmas palavras. Os gatos acabaram sendo observados em relação a reação dos gatos em relação aos movimentos das orelhas, da cabeça e também do rabo.

Novos estudo indicam que gatos reconhecem a voz do dono

De acordo com o relatório da observação, de um modo geral os gatos acabaram reagindo menos quando eram chamados pelas pessoas que não faziam parte do seu convívio diário. As repostas aos sonos que viam das vozes dos donos eram mais efetivas. Mas a pesquisa também demonstra que os gatos estavam mais interessados em saber de onde estava vindo aquela voz do que efetivamente se deveria obedecer a um determinado comando.

Portanto, os japoneses chegaram à conclusão de que os gatos conseguem identificar sempre quando são chamados pelos seus donos, mas não consegue obedecer a um determinado comando como acontece com os cachorros, por exemplo. 

Postado em .


Pela Web

Comentários