Fofuxo.com

Japão terá abrigo exclusivo para cães idosos

Lar Himawari foi criado com o objetivo de dar um lar para os cães com mais de 10 anos de vida.

Quando alguém compra ou adota um filhote de cachorro ninguém pensa que aquele fofo e elétrico vai envelhecer como qualquer ser vivo. E o que infelizmente é muito comum em diversos locais do mundo é o abandono dos cães idosos, quando os donos já não se interessam mais em ter um animal que passa a dar mais trabalho e exige cuidados especiais.

Japão terá abrigo exclusivo para cães idosos

Apesar de ainda existirem poucas políticas públicas ou até mesmo de empresas privadas para ajudar estes animais mais velhos, que dificilmente conseguem encontrar um novo lar quando são abandonados, já que a grande maioria olha sempre para os mais novos, bons exemplos surgem em alguns locais do mundo.

É o caso do Japão. Por lá foi criado um lar especialmente desenvolvido para abrigar e cuidar dos cães que já estão nos seus anos finais de vida. Coincidentemente a iniciativa acabou vindo do Japão, que atualmente conta com uma das populações mais velhas do planeta.

Cuidando dos idosos

O Lar Himawari foi criado para se tornar uma opção para aqueles animais de estimação que são abandonados depois de uma certa idade e que não conseguem ser adotados, mesmo passando por projetos específicos que tentam buscar um novo lar para os animais que já não possuem mais um dono.

O lar também poderá ser procurado não apenas pelas pessoas que encontram cães idosos, mas também pelos próprios donos que já não se acham mais em condições de cuidar de um animal mais velho e que realmente exige mais tempo.

Uma das donas do abrigo, Matsushita, afirmou em uma entrevista concedida para a imprensa japonesa que os cães idosos sofrem de problemas como demência e outras doenças crônicas, e que isso acaba dificultando o cuidado rotineiro. A preocupação principal é com os idosos que também possuem cães em idade mais avançadas e que já não conseguem mais oferecer os cuidados necessários.

Uma das preocupações do lar, além de ter toda uma equipe médica preparada para atender as necessidades dos cães mais velhos, é oferecer um espaço individual para cada cão, mas também dispor de uma sala de convívio mútuo para desacelerar algumas doenças crônicas como é o caso da demência.

O abrigo será operado por uma empresa que também conta com um parque canino temático e que já possui mais de vinte anos de experiência no trato com os cães. 

Postado em .


Pela Web

Comentários