Fofuxo.com

Confira dicas para levar cães em passeios off road

Com segurança é possível levar nossos amigos de quatro patas para viver a emoção dessas emocionantes provas.

Os cães não são considerados apenas os melhores amigos dos homens, mas também os melhores parceiros. Ao longo da história estes laços de amizade só foram possíveis justamente porque um vivia sempre ao lado do outro, nas mais variadas situações e circunstancias. E se hoje estes animais já não precisam oferecer serviços como caças para a grande maioria dos seus donos, eles acabaram se transformando companhia para outros momentos de adrenalina pura.

Confira dicas para levar cães em passeios off road

Um exemplo disso é a cada vez maior quantidade de animais que acompanham seus donos em atividades esportivas, algumas delas radicais e um tanto quanto perigosas, como cães que escalam montanhas e que saltam de paraquedas.

Mais recentemente os cães também estão aparecendo, cada vez em maior quantidade, como parceiros dos homens no banco de carona, nas corridas por trilhas radicais, em provas off road. Se você também está pensando em começar a levar seus amigos de quatro patas para dar uma volta no seu jipe, confira algumas dicas importantes.

Off road com segurança

Antes de mais nada é de fundamental importância que o animal esteja acostumado a andar de carro e enfrentar diferentes situações de dificuldades que podem aparecer durante uma prova como essa. Não é possível prever tudo o que pode acontecer e treinar especificamente para que os animais consigam saber o que devem fazer quando as situações surgirem, mas é importante que ele esteja preparado para tudo.

Confira dicas para levar cães em passeios off road

O cão deve sempre ser um animal treinado, de preferência desde pequeno. O cão deve sempre ver no seu dono um líder, obedecendo aos seus comandos e confiando nele em qualquer momento. Se o cão for inseguro ou muito medroso, poderá se assustar dentro do carro e causar problemas sérios.

Outra dica importante é levar sempre alimentos e água potável e fresca para o seu animal de estimação. Mas nada de deixar o cão comer demais antes de subir no carro, ou poderá ficar enjoado. O ideal é que aconteçam pequenas paradas ao longo dos trajetos para que ele possa se alimentar e beber água sem estar em movimento. O ideal é que essa parada aconteça de três em três horas no máximo.

Dentro do carro, o animal precisa estar preso por um cinto de segurança específico para o seu porte. O cão precisa conseguir ficar livre para se movimentar mas não pode correr riscos em caso de algum acidente ou movimento brusco.

Nas paradas, sempre retire o animal de dentro do carro. Veículos que fazem este tipo de trajeto tendem a aquecer bastante, sendo que os animais poderão ficar rapidamente sem ar se ficarem no carro fechado parado. 

Postado em - Atualizado .


Pela Web

Comentários