Fofuxo.com

Redes Sociais se tornam meios mais eficientes para busca de pets perdidos

Posts e compartilhamentos substituem velhos cartazes impressos e espalhados pelo bairro.

Durante muitos anos a principal forma de tentar encontrar um pet que fugiu era imprimir e espalhar cartazes pelas redondezas e torcer para que alguma boa e caridosa alma visse o cão e o cartaz, além de ter boa vontade de entrar em contato para devolver o animal par aos seus donos aflitos.

Redes Sociais se tornam meios mais eficientes para busca de pets perdidos

Hoje em dia podemos dizer que a busca está um pouco mais fácil e abrangente. Ao invés de contar apenas com a ajuda dos cartazes, os donos que perderam um pet estão recorrendo as redes sociais para tentar encontrar os animais que foram perdidos nas redondezas.

Apostando na força da rede

Hoje em dia existem milhões de pessoas conectadas em redes sociais. E muitas destas pessoas estão concentradas no mesmo bairro, ou na mesma rua. E com as atuais ferramentas disponíveis em redes como o Facebook, fica fácil encontrar quem está próximo.

Além das conexões óbvias, que que são os laços de amizades entre pessoas que moram em locais próximos, também existem as ligações através de determinadas páginas relacionadas a negócios ou locais da região. Ali provavelmente estão pessoas que estão próximas e que muitas vezes não se conhecem.

Essa grande força da rede acaba sendo de fundamental importância na hora de encontrar o pet que está perdido. Mas este fator está combinado a algo que também está intrinsicamente ligado ao comportamento das pessoas na internet: a verdadeira adoração que as pessoas acabam tendo em relação aos animais.

Não é à toa que imagens que e fotos de gatinhos e cachorrinhos estão sempre entre as mais compartilhadas. Portanto, basta colocar uma foto do pet perdido para que as pessoas rapidamente comecem a compartilhar as imagens, o que aumenta consideravelmente a chance de encontrar o pet.

Páginas ajudam na busca

Redes Sociais se tornam meios mais eficientes para busca de pets perdidos

Como parte de um movimento natural nas redes, que detectou justamente esta mudança de comportamento entre as pessoas que perdem e que buscam um pet que acabou se perdendo, começaram a nascer diversas páginas no Facebook e perfis em outras redes justamente criadas com o objetivo de potencializar as buscas.

Funciona da seguinte forma: as pessoas curtem a página, e portanto acompanham as atualizações diretamente no seu feed de notícias. A partir daí, basta mandar as informações do pet perdido para que rapidamente todo mundo tenha acesso. Algumas páginas possuem caráter bem local, como de um determinado bairro ou rua, o que torna a busca ainda mais efetiva.

Postado em .


Pela Web

Comentários